InícioEsportesVelaVela: Brasil terá campeões olímpicos em evento-teste da Copa do Mundo

Vela: Brasil terá campeões olímpicos em evento-teste da Copa do Mundo

Robert Scheidt, Martine Grael e Kahena Kunze integram seleção na Suíça

 

A seleção brasileira de vela inicia nesta quarta-feira (22) os treinamentos para o evento-teste da SSL Gold Cup, considerada a Copa do Mundo da modalidade. As disputas serão no Lago Neuchâtel, na Suíça, entre a próxima segunda-feira (27) e o dia 3 de outubro. A delegação nacional reúne dez atletas, entre eles os bicampeões olímpicos Robert Scheidt (que é o comandante da embarcação nacional), Martine Grael e Kahena Kunze.

“Temos uma equipe boa no papel, que precisa velejar bem junta. O Brasil tem uma oportunidade legal de contar com esse time. Montamos uma boa tripulação e agora precisamos nos entrosar”, disse Scheidt, maior medalhista do país em Olimpíadas, à assessoria da Confederação Brasileira de Vela (CBVela).

“Reunimos talentos de diferentes áreas, mas formar um time é sempre um desafio. O mais importante agora é reunir o time, dividir as funções no barco. Formar a tripulação mesmo. Vai ser um aprendizado, pois nem todo mundo velejou nesse barco”, completou o bicampeão olímpico, que será o timoneiro da equipe.

 

Além de Scheidt, Martine e Kahena, a tripulação terá mais dois velejadores que defenderam o país na Olimpíada de Tóquio (Japão): Gabriel Borges e Henrique Haddad. Completam a equipe André “Bochecha” Fonseca (representante do Brasil em três edições dos Jogos), Joca Signorini (campeão da Ocean Race, mais antiga regata de volta ao mundo), Henry Boening Maguila, Alfredo Rovere e Juninho de Jesus.

O evento-teste com participação brasileira será o segundo da SSL Gold Cup e terá barcos de Argentina, Croácia, Estônia, Hungria, Israel, Omã e Suíça. O primeiro iniciou no último dia 13 e terminou no domingo (19), com vitória da África do Sul. Uma terceira disputa ocorrerá entre 11 e 17 de outubro, com embarcações de Espanha, Dinamarca, Polônia, Suécia, Áustria, Eslovênia, Peru e Sérvia.

 

A Copa do Mundo de vela será realizada entre maio e junho do ano que vem, também na Suíça. O torneio reunirá 56 equipes (uma por nação), que competirão em veleiros de 47 pés (14,30 metros de comprimento), cedidos pela organização. A ideia é que cada barco tenha os dez melhores velejadores do respectivo país.

“Um campeonato entre nações é muito legal. A vela finalmente terá o equivalente a uma Copa do Mundo de futebol. O objetivo é fazer o barco da forma mais simples possível. Se colocar muita tecnologia, cria-se dificuldade para velejar. Mas não é um barco fácil, pois terá uma série de detalhes. O que vai valer é a capacidade de a tripulação manusear os cabos e ajustar as velas”, destacou Bruno Prada, gerente da equipe brasileira e medalhista olímpico nos Jogos de Pequim (China) e Londres (Reino Unido).

Por Lincoln Chaves – Repórter da TV Brasil e da Rádio Nacional

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui
Gostou desta notícias? Compartilhe nos botões abaixo!
LEIA TAMBÉM

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Mais lidas

A TI Também É Delas: Mulheres São Destaque No Dia Da Ciência E Tecnologia

Vozes inspiradoras contam suas histórias e desafios que enfrentaram para alcançarem sucesso no mercado da Tecnologia   São Paulo,15/10/2021 – No dia 16 de outubro é comemorado...

Entre tantos tipos, o pão cozido de centeio e o de abóbora são opções para inovar no cardápio

Pão de centeio, marraqueta, alentejano, australiano, ciabatta e brioche. Há diversos tipos de pães que se tornam cada vez mais conhecidos dos consumidores que...

Projeto prevê prisão imediata em casos violência doméstica

O Senado Federal já aprovou a medida que agora será analisada pela Câmara dos Deputados. Um projeto de lei aprovado no senado federal prevê a...
Publicidade

Assine a nossa newsletter

As principais notícias do Portal G10News diretamente em seu e-mail: