Silicone ajuda plantas a absorverem melhor os nutrientes aplicados por agricultores, explica técnico da Brandt do Brasil

0
80

A alta produtividade na agricultura resulta de um longo processo que envolve a preparação do solo e o manejo correto das aplicações de insumos que ajudam a controlar pragas e doenças e também a nutrir as plantas. Para alcançar os alvos desejados e combater os problemas que atrapalham as lavouras, o silicone desponta como um grande aliado.

“O silicone promove a quebra da tensão superficial das gotas d’água, fazendo com que cada uma delas se espalhe melhor, resultando em uma área molhada ou de cobertura maior nas folhas, promovendo uma absorção mais eficiente”, explica o técnico de desenvolvimento de mercado para grandes culturas da Brandt do Brasil, Pedro Afonso.

A tensão, de acordo com o especialista da Brandt do Brasil, faz com que a camada superficial de um líquido se comporte como uma espécie de membrana elástica. “Esse efeito permite, por exemplo, que alguns insetos caminhem sobre a superfície da água e que a poeira fina não afunde”, explica. “A tensão superficial também é responsável pela formação de gotas e bolhas.”

Com o rompimento dessa tensão dos líquidos, o silicone permite que os produtos agrícolas aplicados sobre as plantas se dispersem melhor. “Além disso, o adjuvante siliconado potencializa a performance dos defensivos agrícolas, já que mantém a umidade das folhas por mais tempo, aumentando o período natural de absorção desses produtos”, destaca Pedro Afonso.

Com quatro anos de presença no Brasil, a Brandt investe no aditivo à base de silicone como tecnologia para aumentar a produtividade da agricultura. “O recurso está presente no produto BRANDT Action Sil, que também contém nutrientes importantes – manganês, nitrogênio e zinco. O produto também possui agentes que reduzem a espuma e à deriva”, completa Afonso.

 

Sobre a Brandt

A Brandt do Brasil é subsidiária da norte-americana Brandt, que atua há mais de 65 anos na fabricação de insumos para diversas culturas. Especialista em nutrição vegetal, a empresa está presente em mais de 50 países, com tecnologias inovadoras, as quais ajudaram ao produtor norte-americano Randy Dowdy a quebrar o recorde mundial de produtividade de soja atingindo quase 215 sacas por hectare. A companhia está há quatro anos no Brasil, com sede administrativa em Londrina (PR) e fábrica em Olímpia (SP).

Deixe seu Comentário! Comentários de leitores ou artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião do G10News