Ronaldinho Gaúcho pede à justiça devolução do seu passaporte

0
127

Ronaldinho Gaúcho e seu irmão e empresário, Roberto Assis, pediram ao Supremo autorização para reaverem seus passaportes, apreendidos no final do ano passado por determinação da Justiça gaúcha. Na tentativa de convencer Rosa Weber a acolher o pleito, Ronaldinho sustenta que está sendo impedido de trabalhar e argumenta que sua principal fonte de renda hoje são as participações em eventos internacionais. Ele inclui na petição enviada ao tribunal uma carta de um empresário indonésio que ameaça processar os irmãos, caso Ronaldinho não cumpra com um contrato em que se comprometeu a comparecer em um evento naquele país, adiado mais de uma vez em consequência da ausência da estrela. Os passaportes foram apreendidos até que eles paguem multa referente a um processo por dano ambiental. Os dois foram condenados em 2015 por construir ilegalmente um trapiche, com plataforma de pesca e atracadouro, na orla do Lago Guaíba, em Porto Alegre. Segundo o Ministério Público, as multas alcançavam o valor de R$ 8,5 milhões em novembro do ano passado.

Atual FM

Deixe seu Comentário! Comentários de leitores ou artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião do G10News