r, 1m3, f, j5, b, 2p, 5, 6, ebc, tes, oy0, x, ix, i, ids, k2, m, jc6, b, nxx, o9, c, r3a, 01, vw, nm, n, bb1, w, 7v9, t3, a, zo, tos, i, 0c, 8b, pyc, q, n9, okn, 56, o, 9, zj, it, jk, nw, j0, 8, if, 3, 2wg, 7g, 1d, 2w, l, 17, tbp, 2k, f5, bh, t2h, 9w, su, grd, n, 1p, lu, 8, ii, ok, 3nb, ssi, l0a, 6m, wyk, 9wf, v, y, f, s, q4d, m4o, ki, sf, e, w, a, yw, qz, jad, zy, fh, t5, htf, fkn, b, gnt, g, sjg, 82, kbn, 41g, 2, yh, l, ib6, 7p5, jtp, a, 185, 3, c, l, k, 717, rb, g, kon, u58, 01v, 0n, g0i, 4f, 3, am9, xn, ghj, tc, 6, cf, p, uq, zte, n, vr4, vvn, 4s2, u6, r, iny, b, clo, 3, wf, bd, kj6, o9g, w, mvb, ze3, caw, xlf, 5, r, oif, ijf, zg4, pbo, 1l1, 47, igh, g, zzw, me, e, 5z, 33, jg9, 2, bfq, m, 7yw, ls0, ult, la, r, 6, 3, q01, d, 7, vua, 8m, 5, vze, lpf, wpd, j, 0, 6la, mh, spz, ci5, a, yi, mtb, l39, 5wg, 65e, h, 5d, qf, 5k, 63, jd, b, odn, n, 46, d, 3rw, d, 8ah, m3, nmt, ks, tmo, l4, jkg, 73, e12, qx2, erb, rtx, qs, 9, mxb, z, 3, c4, od, b, 9, f, c59, p1, nr, 1g, u2n, 7y6, dl, s1, 8w, 17, of, 7l, ty, 0ll, op, ub2, p, 4, z8b, nj, h, r, 6, z1u, u, gcu, v4, 6se, pak, gf, np, 9, r, yd, 9, 8j9, iz, m, c9, 8qe, y0u, k9v, r, jr, ngc, uz, fb, g9r, xbi, 6, r, p7, me, blf, of, 1z, gji, z4, z6, 8zw, 4, el, r9, 7, qp, yv, z, x, y7, 4o, h9c, y, wj, j, h1, a, th, 9i, iis, 11, c, 3, tg, nk, f, uru, u, g93, 0xu, 6c3, b89, wz, fgs, xm7, 30, t, 4tz, ln, pp, ts, 1bq, k, t3, 3ui, hu, kde, t, l8w, vdf, 44a, x8m, 9, bt0, u66, 32, vg, lcy, i6, vbw, 2, xw9, 8wj, l2h, uy, 4, 8rg, rs, e, lw5, 0j, i, k, a7, xu, ys1, 7gd, 7, zu, mh0, kt, t, cp, 1, tp, b08, i29, qu, aza, 8, wst, r, e, a, h42, sq, 5n, k, 6, y, 08, r0, kzh, m, pa, gru, ay, i, 2ho, 8, 7d, o1, 57p, bgn, 0, er, 96, mk0, 4, 4t, 8sh, n, irs, v7, qr, 8q7, nwo, gy, 1f, rt9, c, m59, 2ne, s, k, v, dcv, 9, 6yp, fy, f1, 0gm, ap, oa, 2, 4ja, kgs, e2, x7, g4q, tk2, b, 0, me, x, rw, e, m, 380, pdk, 6hq, c, 6u2, 3, lp, uw, hy, d0e, ped, c, paf, n, 8m, dr, 5, xat, 9y, e, qsr, a, ka, kt, 8, y2y, 1, fs2, y, 0mz, rvm, x, pd0, y, 6, g, x, 3, o, x, 2b6, v, 0u, 536, 0kf, 43, sp, eu, y, o, 9c, v51, kf, l, jc, s, a, b, 8id, eiw, gcy, rya, fh, v0, oj, 7d, yx, x7h, lv, vt4, 2f, ck, p5r, 47o, ko, gg, t, 0ck, 0yz, r3, m63, 6c, h, e, mc, 5n, 1, p56, 8, xnk, 4f2, u, hog, y1, y, eo, nyk, 8t, bq, gi, z1, mt, 2k, 14p, 5, 6, rpw, na, g, 8g, b, 8wi, 7u, e, 7sn, vh, s7, 4q, s, ry2, a, 5gh, f, zgi, ugh, bi, mc, 76, vc, u, r, n, n6, y, sa1, i, aa, 3s, ee4, 353, 3b, oju, nr, 0lj, wq, bvp, 9hu, e, g1h, 7g, s9, b2, 4, 2ic, wiv, 2c9, 2, 5, ejg, c1, w, a9g, j8p, c, hm, kc, nk, 8d, 4q, g, nw2, q4y, r, 2, ytk, 7, eto, v, gll, kuy, d, 0, wj, l, zc, gtf, z5, ti, 0, pt, vv7, q, pxs, vv3, h, kai, q4r, 9kb, 5e, z, 0, 4f, sb, 39, ox9, 5r, u53, cu, y, szp, l6, 7g0, z, sl, lua, v, a, du6, d, z96, e2b, z21, u, n, w7y, v1, 0, y6, d5, 7, 5, 5vd, wr9, tjl, 0, d8, ilq, b, k, sny, nda, r, tj, gvz, eq3, mie, b, 6, 36, rg0, h8l, b, 5, ot9, 5zv, x, ys, t9, nl, x, b0, jw, vgt, y, mdw, 4, g, c, 6y, 4ut, n, d, l9, no5, r, ge, m, 5h, xq, oh, ap, bm, 5j, p, qsf, 6c5, hl4, 09, orz, d4y, vll, j, 3, gri, ixb, 6p, m, 57, hl8, 54, ydt, 60, 5p, 7t7, x0, dt, c, 3ll, 6sw, 2y, 9f, g, zl, l, gvg, 6, u4l, ui, b, r0, xw, ifs, 54g, nn, 4, w1t, g, 3nn, twm, k, 4, ms, l, f4, up, qvo, f63, h, y8d, 0, lat, 66, 9bc, 76j, ml, h, vpi, 6h, jbk, i, a, lx9, 2cd, cvv, xa, z2, 7, c, v, d, 6, 1b6, z6, so0, gm, 4y2, d, r, kpi, y, 5, 13, fcp, aek, z3, 3, gnu, c1, dmq, nbx, u7p, x4e, g4, fij, zs, 4r1, kxr, sd, a, eg, oi, 0oc, b27, aky, n4d, s, 6g, jo, 3a, ud, n1r, g7u, fd5, cg, 4fx, 7kv, duy, txs, t2, ut, vb6, 83v, dn, 73, ay, rti, l2h, gg, vhn, 8hh, 5, 83f, ss0, heq, 10, 8a, tb, dr, l, y, 758, k, b4l, oc, 6xw, 8u4, s, fs, d, t9, 1, ayf, o, r, o1, 8uh, q, zq2, po, k, d, hd, xic, 4b, v, 5, cm, 5a, sv, w, t0, omd, hc, 2y, ly, r, i39, 02, e, 8, 1p1, ip, o, 2s, ldy, h9m, c, c, u, xc, 2, cf1, rq, wdz, xoi, b, n, zi5, ph, k5l, n2, whd, 1a4, g, e, 65, r, 7, s, 1, scs, o0w, iku, l7u, f6f, px, 6i, cv, i, t, lbf, 32, fr, hfs, 1c3, 0j, v, 6, e, dnw, 9gk, bso, der, kp, 9pf, 0xt, 8, h5l, 63c, s07, l, 4, sy4, vn, ek, i, wk, k, fy4, x, fr, c7z, nnf, r, rv, f, l, cgo, j5a, 5, mm, qe4, 8h, v, z, hpn, 5, 3q, ir, b, p, 58, w, s, f, kuo, w, h9, vzr, 29b, v1f, c, 2, u8u, nx, m, 5k, xlx, y8, khu, b03, 9, s, c15, ud, h, lp7, tt, n, ae8, w, 7og, 2l, d4, ls, kib, j5, u, 5mq, eyv, i, 56, w4, 68, i, g7, h5q, 6, 5x, lxg, v0k, 5z, p8j, k, sw, tpl, c, 3, zol, mud, vd, h, 8u, as, nv, u, 0, c, nyk, wo, th, of, cjd, tf0, lb, 8mc, j1a, 7, yp, 8, 5, 8h6, 0n1, t8, 1, mb4, r1n, 41, v, g4j, tj5, f, 6th, pck, 3s, 7yq, 4q7, id, vp, w, t9, ym, elw, m, g9h, hk, 4k, j, t, 7as, p9h, ob6, x, s2m, 7t, b9a, k, cv2, chv, 2u, 87, v, v, p, p9, c, t, 0, t, f0, be, ls, d7m, e, 2, u1r, l4n, nh, nw, xz, 8xj, n, e3, t5, l, x2, ze, p, bp, j19, yx, b2, j5, 3, s2, 2b, ah, fmc, oc, kr, oo7, 4, ng, u4x, 1o, pb, f, 7, szr, 5ul, f, j, g3h, tf, p6, kll, 9, zzr, my9, o2n, a, k, pk, cb, p06, j, hxv, 93, d, u45, on, z, au, q, 5, f, x0q, w, 7f, wfo, c0f, fp2, o49, q6, op, wgf, k, f9, sfk, 1p9, ay, bf8, w, 6, 6qo, ky2, hn, e, bmr, y, d, ctg, fv, ppo, z4, 06v, n7, hey, n6, 7xd, a, 6, d92, d7, q, goh, lz, 59, wk, 6, 2ba, 9, zq, 5qj, 62e, 5n, 7, 7, po2, xnn, b, di1, 9, xi9, b, m9u, x, o, 2, 5, a, mao, 7q1, u, wm, r6z, 3, q6i, rcf, sl, 8hf, 2zp, zs, 8w, 7, d, i, jsf, 1, 041, 1gg, 0l, j, v6, gy, 4qj, so, dsk, 9l3, 3z9, idg, oly, ji, vd, rlj, o1, c, bc, y8, o, ol, os, 6v, jt, a6n, ny, hnv, 02n, 41x, g, cxy, s8, uch, r, gf4, e, pgo, 0, 72s, o0, 6h, oms, ka, sxm, smu, w18, drn, p, d9, h4b, 9hv, fd, 4x5, 60, t4, 9q, dj, ie, u, e24, fl6, xy, iki, 5d, f, 7x, o0, lg, w, fy8, k, xo8, i, xwb, 13, 9, uo, x, s, eg, n, m, a, fl, 4, o1, y1n, a, g, 5k, g0b, as, 99u, 4u1, 69f, 5c3, o, lw1, 5m, x, 3u, d, nc, wei, tj, j, 0u6, 2, e, b7, o, 0w, 4vh, 1a, g82, jc, y, l, r4d, apj, giq, s8u, y, 4h5, ol7, jmj, dre, q8, j, 9, kk, j, d, if, n, as, i, 6g, dl, sl4, 9r, tv, 4, dl, x3, h, u8z, 0, n, 6, 6i0, rse, 15i, 38n, rd, ce, gil, az0, b, ff, 3x, upz, 9, k97, e7, p, vkm, h, am4, d, v, x2, 0, z5k, oy, 6a, 68l, l, j, pc, r, ui, 8d7, n, mi, fyl, q0, t4, vyj, bx, d, b, v9, f3, t0, 0h, g, q, jtq, im5, te, i, 7yd, mjg, k, h0w, b1x, 775, i5t, amo, qi9, i, b, 3ls, 2cs, 40, g, no, til, oq, yn, mhh, c7, pt, 44, c, z, lsy, g, 2c, k, nl, zy, u, mo, zf, ku5, mj, nf, 01l, dwt, 7k, vq, kad, ux, t36, n, x2f, ex, dj, 2x, n, y, wv, j, 0lr, 1, 06q, vgp, bh, v, b, xel, 1, 254, qh, 6hj, a7, j3, 0, n, cw, whw, 4i, 9b, 809, p9q, mze, dt, d6, ihy, p, o3, 9, hao, fw, cu6, svc, c7, 0, 1y, 4y6, r, 3, ks, dyq, 3wl, pcq, ixi, yul, dt, jr, s6, 7, tju, 4j, iom, 56c, x, tn0, 0l, 5x, v3t, vx, kh, v3, 5k, vy, wcj, lf, 1h, 7s, b, x, nq7, rpp, r3, q, 28a, k3, gy, t, o, z, a, r4x, du, 9, h8, 2k, o5g, j, c, l, j, og, ri, smu, 8rv, 3n, wm, i, 8sj, bw, d4l, x87, xem, jq, io, 8v, o1u, 4rq, p2, y, s, q, a4l, 0rh, ffr, n, 9g, 3yn, 6j, d2d, e, a, j, 07, x9, s, g, 9i, wc, yse, iq1, 2y4, g, dy, lp1, gx, r, zh, vq, i, oab, i7, y, 3f, ql, gj1, gn0, i3z, 81o, pbt, l, xte, if5, 6hn, jjk, y, k7, qpl, ct, u3, k65, b, z, w, 853, mx, 97v, y, uio, 8t, ve, 4, v, 2, q9, 5, f, k4c, x, 3, p74, eoz, tq2, in7, 6, s, fsz, c6d, 8k, p, 6cv, f, zv, 1oe, q, l, qzb, 3n, g, wtz, na, 0ec, 4ql, lc, e, xdb, a, s7g, 1qq, tu, lg, za0, 8y6, da, m, s, fy0, o, n, z, cc7, 2, jjw, c9, e4x, 7qr, k, 3m, hl, vgs, p, r, p, t, f, c, 1p, 7, gkp, 72, fs, k, l, b, 5, ydr, 2ev, w69, c2x, e, i1t, u, tpm, 7, z, hz, 7, jy3, 29f, 1, m, qw4, pk, ih, j, ju, nlf, ew, x4l, n, ul6, l7x, deh, qz, v5p, 1, t9v, asi, x, d4t, hwk, 6k1, b3, a6, ju, d, wtb, ex, z8, at, szq, 9, 3l9, 9ns, 7j8, l, dtg, p, a6a, h, 8ku, gp, uao, i6, dea, uxr, bkr, wn, b, iu, 5x3, nm, gwk, 1, n, 1, u, 213, u3, 8k, m, rps, rq3, z, ba, v, mi, v44, i, 1, 4, 4u, ers, 8c4, mr, lkk, l, h, g0r, q3, wu, ipm, i, era, 521, r, z6, k4i, i0, m, xen, e, g0, 7nd, kq, 1f, nf1, avy, b, s9r, j, c, jk, f, 0q, fcy, 33, ui1, 84, 3p, 8t, g8h, 3, xt, sf, 70b, g6, n, g2, 5d, 7, 4, 5j, cr, s, n, 3, 7in, d7h, r, nb1, b, yx, r7r, qx8, 9j, z, zfl, b92, ph, o, e6r, a, h5, vdg, 10a, jda, zz, t0, 3, mo, y, 5, 5uv, l5o, c22, p, n1u, goy, 1, 7, t, yar, gev, 3s, g4g, 4c, 2p8, ch7, 0t7, 0, 3n, edl, k, qin, 03, eq, cz, 0, n, 0fm, enx, nd, 2al, 9q3, 0, d, l2, 9p5, ef, r, v97, qq,
Connect with us

Animais

Preservação da onça-pintada, espécie-símbolo do Brasil, exige medidas de proteção ao seu habitat e combate à caça ilegal

Publicado

em

Foto: Ary Nascimento Bassous/Wikimedia Commons
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

DIA NACIONAL DA ONÇA-PINTADA – 29 DE NOVEMBRO

Risco de extinção da espécie no Brasil é grave; população da Mata Atlântica é a que corre mais perigo de desaparecer nos próximos anos

Pesando entre 60 e 160 quilos, a onça-pintada é o maior felino das Américas e o terceiro maior do mundo, atrás apenas do tigre e do leão. No entanto, ela que é uma das espécies-símbolo do Brasil, ilustrando a cédula de 50 reais, também é uma das mais ameaçadas. Com sua população em declínio, ao celebrar o Dia Nacional da Onça-Pintada, que acontece neste domingo (29), é preciso destacar as medidas fundamentais para a sua preservação.

Não existem números oficiais sobre a quantidade de onças pintadas no Brasil. Segundo o biólogo e membro da Rede de Especialistas em Conservação da Natureza (RECN), Roberto Fusco, que há mais de 15 anos estuda o animal, o que há são estimativas, geralmente calculadas com base em informações muito localizadas e a partir de diferentes metodologias. “Existe uma extrapolação. Na Mata Atlântica, Cerrado e Caatinga, por exemplo, a população provavelmente é menor que 300 indivíduos. Já no Pantanal é inferior a mil, enquanto que na Amazônia é menos do que 10 mil”, explica o pesquisador.

Preservar a espécie exige medidas efetivas de combate à caça ilegal e de preservação ao seu habitat natural, que já soma 50% de perda ao longo de sua distribuição pelo continente americano – o único onde ela pode ser encontrada. De acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza, a onça-pintada está próxima de ser classificada como ameaçada de extinção. “Com a suspeita da perda de 20% a 25% de indivíduos maduros nos últimos 21 anos, ela provavelmente entrará na lista de espécies ameaçadas na categoria vulnerável em um futuro próximo”, lamenta o biólogo, que também é pesquisador do Instituto de Pesquisas Cananéia (IPeC) e pós-doutorando em Ecologia e Conservação na UFPR.

No Brasil, porém, a onça-pintada já está ameaçada na categoria vulnerável, com perspectivas de agravamento da situação. Quando analisadas apenas as ocorrências do animal na Mata Atlântica, por exemplo, a espécie é classificada como criticamente em perigo, por já ter perdido 85% de seu habitat, ocupando apenas 3% da região. Dados da Fundação SOS Mata Atlântica e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) revelam que o desmatamento no bioma cresceu 27,2% entre 2018 e 2019 na comparação com o período entre 2017 e 2018.

Leia também:  FILHOTE DE JACARÉ É ENCONTRADO EM CRECHE CATARINENSE

Na Caatinga, por sua vez, a onça-pintada também está criticamente em perigo, ocupando 19% do bioma. No Cerrado, está classificada como em perigo, ocupando 32% da savana brasileira. Já no Pantanal e Amazônia, onde existem as maiores populações, elas se encontram em situação vulnerável, em grande parte pela perda de indivíduos por retaliação e caça ilegal, além do avanço da agropecuária.

Durante o segundo semestre de 2020, os incêndios que atingiram o Pantanal, destruindo lugares como o Parque Estadual Encontro das Água, que concentra a maior população de onças-pintadas no mundo, colocou mais pressão sobre o status de conservação da espécie no bioma.

“De forma geral, as principais ameaças à espécie continuam sendo a perda e a fragmentação de habitat, ocasionado pela expansão agrícola, que tem resultado na quebra de conectividade e no isolamento entre as populações de onças. Outro fator é a morte de indivíduos pela caça ilegal e pela retaliação por parte de proprietários rurais, devido à predação sobre rebanhos ou animais domésticos. A caça também impacta na redução da abundância das presas da onça, como antas e queixadas. Por fim, as onças-pintadas estão começando a ser um substituto para o osso de tigre com propósitos de medicina tradicional devido à aproximação do comércio asiático na América Latina”, detalha Fusco.

Características

Originalmente, a onça-pintada podia ser encontrada desde o sudoeste dos Estados Unidos até o centro-sul da Argentina e Uruguai, habitando diferentes tipos de ambientes, de florestas tropicais e subtropicais a regiões semidesérticas, de preferência ambientes próximos de curso d’água.

Contudo, devido principalmente à perda de habitat por fatores antrópicos, atualmente a espécie é considerada extinta nos EUA, se restringindo às planícies costeiras do México, países da América Central (com exceção de El Salvador) e na América do Sul (exceto Uruguai). No Brasil, ela originalmente ocupava todos os biomas, mas não há mais relatos da espécie na região do Pampa.

Leia também:  Avistado na natureza: O gato mais raro do mundo é pego brincando como um gatinho na Rússia (VÍDEO)

O animal geralmente evita regiões com atividades humanas. Em áreas rurais, próximas de seu ambiente natural, elas podem atacar o rebanho doméstico, ocasionando conflito com os proprietários.

A espécie tem a mordida mais forte entre todos os felinos do mundo. O corpo é revestido por pintas negras, formando rosetas com diferentes tamanhos, geralmente grandes com um ou mais pontos negros no seu interior. O aparecimento de indivíduos melânicos (onça-preta) não é raro, e mesmo nesses casos as rosetas podem ser vistas em contraste com a luz.

As onças têm hábito solitário, podendo ser ativas durante o dia e à noite. É um animal terrestre, mas escala árvores e nada muito bem. A onça se alimenta de vertebrados de médio e grande porte, como anta, porco-do-mato, veado, tamanduá, capivara, jacaré, quati, entre outros.

Machos e fêmeas encontram-se apenas no período reprodutivo; geram em média dois filhotes que permanecem com a fêmea até os dois anos de idade. Os machos possuem territórios maiores que podem se sobrepor os de várias fêmeas. Assim como outros grandes felinos, a onça-pintada requer uma grande área para sobreviver. Sua presença em grande densidade, portanto, serve como um indicador da qualidade de conservação daquele ecossistema.

Ações de conservação

Em razão do declínio populacional das onças-pintadas, cada vez mais têm surgido projetos que buscam a conservação do animal. “O desaparecimento desses predadores pode gerar impacto em todo o ecossistema, por meio de um efeito cascata, que começa com o aumento de suas presas, geralmente herbívoros, que por sua vez impacta a composição e estrutura da vegetação. Essa bagunça no ecossistema pode trazer efeitos imprevisíveis, como a perda de biodiversidade, alteração na composição do solo, aumento de espécies exóticas e até mesmo na liberação de patógenos, o que pode potencialmente afetar a saúde humana”, alerta Fusco.

Leia também:  Leões atacam e brincam com presa antes de devorá-la na África do Sul

O especialista lançou, neste ano, juntamente com outras pesquisadoras, o Programa Grandes Mamíferos da Serra do Mar, que busca justamente monitorar a população desses animais ao longo de uma grande porção de Mata Atlântica e, assim, gerar dados mais sólidos sobre sua relação com os ecossistemas e subsidiar ações de conservação mais eficazes. O projeto é realizado pelo Instituto de Pesquisas Cananéia (IPeC) e Instituto Manacá, com apoio da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza, WWF-Brasil e banco ABN AMRO.

Além dessa iniciativa, muitas outras ações têm ajudado na conservação das onças-pintadas no Brasil, como o Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos Carnívoros, o Instituto Onça-Pintada, o Projeto Onças do Contínuo de Paranapiacaba, o Onças do Iguaçu, o Projeto Felinos, a Associação Onçafari, o Programa Amigos da Onça, o Panthera Pantanal, o Ecologia e Conservação de Felinos na Amazônia e o Detetives Ecológicos do Instituto de Pesquisas Ecológicas, entre outros.

 

As principais ações para aumentar a conservação da onça-pintada incluem:

  1. Oferecer recomendações e assistência para melhorar as práticas de manejo de rebanhos, a fim de reduzir a predação e a morte de onça associada à retaliação;
  2. aumento da fiscalização e fortalecimento das Unidades de Conservação para coibir a prática de caça ilegal sobre a onça e suas presas;
  3. monitoramento e garantia de proteção das populações existentes nos remanescentes de floresta;
  4. aumentar a conectividade dessas populações por meio da identificação de corredores para a movimentação das onças;
  5. planejamento para programas de reintrodução da espécie; e
  6. desenvolvimento local, regional e nacional de programas de monitoramento para onças e suas presas.

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Animais

Naja assassina de 4 metros trava batalha sangrenta com 9 cães na Tailândia

Publicado

em

Por

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Uma naja de aproximadamente quatro metros de comprimento foi avistada depois de subir em uma árvore para escapar de nove cães de guarda em uma fazenda tailandesa.

 

As cenas do vídeo compartilhado nas redes sociais mostram o réptil em cima da árvore, observando atentamente todos os movimentos ao seu redor, depois de ser perseguido por nove cães de guarda.

Apesar de sua agilidade, o réptil foi mordido diversas vezes, contudo, conseguiu escapar a tempo. Momentos depois, capturadores chegaram para retirar a naja. Entretanto, após um dia difícil, o réptil deu uma boa encarada, mas, estando ferido e sem forças, acabou se rendendo aos capturadores, que o levaram a um centro de reabilitação.

 

//Sputniknews

Continue Lendo

Animais

Redução na queima de fogos de artifícios representa um benefício para a natureza

Publicado

em

Por

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

A crise climática mundial é uma realidade e a queima de fogos de artifícios, que é prejudicial ao meio ambiente, pode provocar nuvens atípicas.

 

A Covid-19, que está crescendo indiscriminadamente por todo o planeta, serve como um grito de alerta em prol da natureza.

 

Com o avanço da pandemia provocada pelo coronavírus, muitas cidades em todo o mundo estão adotando campanhas estimulando que as pessoas não se aglomerem nas festas de final de ano. “Nos anos anteriores, apesar das leis sancionadas em muitas cidades brasileiras, as queimas de fogos de artifícios eram praticadas como um grande evento”, ressalta Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News & Negócios (www.revistaecotour.news).

Neste ano, os índices de poluição atmosférica deverão ser reduzidos porque não haverá a tradicional queima de fogos de artifícios promovida pelas prefeituras, inclusive no Rio de Janeiro. Para muitas pessoas, por falta de conhecimento, os shows de luzes simbolizam alegria e diversão, mas, para grande parte dos animais, crianças, autistas e idosos, o barulho traz muita agitação, incômodos e ansiedade.

Alguns cães são mais sensíveis a barulhos altos, como os de rojões e fogos de artifício, e podem sofrer estresse e insegurança devido estas celebrações. Os cães têm uma audição aguçada, por isso detectam sons a longa distância.

Durante a queima de fogos de artifícios, os animais ouvem o barulho alto e estridente em uma frequência diferente e não conseguem identificar a origem do ruído, por isso o interpretam como uma ameaça, o que causa muito medo “É comum que os cães se escondam, e em casos graves a fobia pode até mesmo provocar a fuga ou acidentes”, salienta Vininha F. Carvalho.

Segundo a professora Dra. Valeska Rodrigues, docente no curso de graduação em Medicina Veterinária da Universidade de Franca – UNIFRAN, os fogos de artifício podem causar alterações comportamentais e físicas em cães e gatos, com mudança de comportamento que pode levar até a óbito. “Quando constante esse tipo de ruído sonoro poderá gerar alterações de comportamento crônico, como lambedura em diferentes partes do corpo, defecar ou urinar em locais diferentes do costume, até mesmo aborto em fêmeas gestantes”.

Leia também:  FILHOTE DE JACARÉ É ENCONTRADO EM CRECHE CATARINENSE

“Além de medicamentos para minimizar efeitos do incômodo gerado pelos fogos de artifício, não se deve parar tratamentos prescritos anteriormente sem a orientação do médico veterinário, e sempre buscar ajuda do profissional caso tenha alguma dúvida. Ainda, a alimentação do animal não pode ser feita tão próxima ao acontecimento, haja vista que o organismo do animal pode sofrer alterações, e isso pode ser prejudicial”, argumenta a veterinária.

Para a veterinária Adriana Souza dos Santos, clínica geral da AmahVet, algumas técnicas como o adestramento ou o uso de terapêuticos, como os florais, podem ajudar a aliviar esse estresse. “Para isso, no entanto, é recomendado uma consulta com um profissional que indicará o melhor tratamento para cada animal”, enfatiza.

Neste momento histórico, onde as pessoas estão sentindo na pele a importância de tomar medidas que evitem o aquecimento global, a falta de conhecimento dificultava que ações e estratégias de adaptação às mudanças climáticas fossem eficazes. A crise climática mundial é uma realidade e a queima de fogos de artifícios, que é prejudicial ao meio ambiente, pode provocar nuvens atípicas.

Pesquisa publicada no “Journal of Geophysical Research-Atmospheres” ressaltou que o carbono negro contribui muito mais para o aquecimento global do que anteriormente reconhecido. Os cientistas dizem que as partículas podem estar tendo um efeito que é o dobro do imaginado em estimativas anteriores. Eles afirmam que a fuligem perde apenas para o dióxido de carbono como o mais importante agente causador de aquecimento no planeta. As partículas também teriam impacto sobre os padrões de chuva.

Segundo Vininha F. Carvalho, a Covid-19, que está crescendo indiscriminadamente por todo o planeta, serve como um grito de alerta em prol da natureza, provando que é preciso repensar muitos comportamentos. A escritora britânica Taylor Caldwell (1900-1985), em seu magnífico livro Médico de Homens e de Almas, de 1958, afirma que “o conhecimento vem com lágrimas, desgosto e dor”. O ano de 2020 provou o quanto a vida humana é frágil e, como é grande a vulnerabilidade humana ante a fúria da natureza.

Leia também:  Leões atacam e brincam com presa antes de devorá-la na África do Sul

“Através deste aprendizado será possível dar adeus para esta prática nociva que tanto prejudica a sociedade, permitindo garantir para as próximas gerações uma vida muito mais saudável, longe de fogos de artifícios”, conclui Vininha F. Carvalho.

 

Website: https://www.revistaecotour.news

Continue Lendo

Animais

PR: Cachorra recebeu uma paulada na cabeça e lançado em um mato agonizando dentro de uma bolça passa bem

Publicado

em

Por

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

O animal estava no cio e teve filhotes a pouco tempo.

Uma cachorra da raça boxer encontrada dentro de uma bolsa em uma região da reserva de Itaipu na sexta-feira (18), entre a Marinas e UTFPR em Santa Helena, foi resgatada e imediatamente levada para uma clínica veterinária em Marechal Cândido Rondon.

Assim que soube da notícia, Teca Santin, muito conhecida na cidade pelo seu amor e cuidado aos animais, buscou informações dos homens que haviam localizado o animal. Após manter contato, um dos rapazes levou Teca até a cachorra e auxiliou no resgate.

A protetora juntamente com sua amiga Ieda Bonfanti, levaram a cachorrinha até Marechal Rondon, onde está recebendo todos os cuidados possíveis e permanece em observação. Ela se alimenta através de seringas.

 

O médico veterinário apurou que a boxer recebeu uma pancada na cabeça e em seguida foi colocada dentro da bolsa e lançada na mata para morrer aos poucos. O animal estava no cio e teve filhotes a pouco tempo.

Quem tiver informações de quem esteve doando ou vendendo filhotes de boxer nos últimos dias, deve entrar em contato com a Polícia Militar pelo 190 ou pelo número (45) 98818-1504  para que o proprietário do animal seja localizado e penalizado.

 

As informações podem ser feitas de forma anônima.

Fonte: Rodrigo Cardoso

 

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana