Connect with us

Geral

Prêmio Melhores do Ano Beauty 2019 laureia profissionais de maquiagem e cabelos

Publicado

em

Foi realizado em uma noite de muito glamour, a Premiação Melhores do Ano Beauty 2019, que aconteceu na última segunda-feira 09 de dezembro, no bairro nobre de Moema, São Paulo e contou com uma grande marca parceira para o evento, a Aneethun Profissional, que por acreditar e apoiar o universo da beleza, entrou como Patrocinadora Master do evento, presenteando os grandes vencedores da noite, assim como todos os convidados, proporcionando a todos uma experiência de alta qualidade e tecnologia, que a marca traz há 25 anos.

O prêmio Melhores do Ano, foi criado em 2018 pela Juh Rodrigues – reconhecida por sempre estar junto dos melhores maquiadores do Brasil – com intenção de prestigiar os melhores profissionais de maquiagem.

Por ter tomado uma proporção positiva, e um grande reconhecimento, neste ano de 2019, junto ao cabeleireiro Italo Saliccio – formado pelas melhores academias de beleza do mundo, premiado não só no Brasil, mas internacionalmente – o evento assumiu a direção geral e artística na categoria “cabelo”.

Conheça agora, os grandes vencedores da noite em suas categorias:

Maquiador do Brasil: Lucas Meneses
Marca do ano: Bruna Tavares
Melhor Bruma fix: Ana Paula Marçal
Melhor iluminador: Ana Paula Marçal
Melhor delineador: Bruna Tavares
Melhor batom: Bruna Tavares
Marca revelação: Boca Rosa Beauty

Maquiador revelação: Danny Soares – Marca Chiclete
Maquiador Influencer: Mari Maria
Melhor base: Pausa para Feminices
Melhor corretivo: Bruna Tavares
Melhor cabeleireiro – Corte e cor feminino: 1º Bruna Nunes / 2º Mike David / 3º Jefferson Salles

Melhor cabeleireiro – Corte e barba: 1º Thagner Ramos / 2º Carlos Cesario / 3º Ariel Blindado
Cabeleireiro revelação: 1º Gilmar Brito / 2º Elder Lorenzo / 3º Leandro Ferreira
Cabeleireiro noiva: 1º Denise Mazzara / 2º Rafael Gasparim / 3º Paloma Gomes
Cabelo afro: 1º Taylor Curly / 2º Carol Castilho / 3º Gabriel Machado

Crédito das Fotos: Nice Lima / ConsultMkt – Divulgação

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Moradores do RS relatam recebimento de semente de origem desconhecida pelos Correios

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

Moradores de diferentes regiões do Rio Grande do Sul relataram o recebimento de sementes não solicitadas, supostamente vindas da Ásia. As sementes chegaram pelos Correios, muitas vezes acompanhadas de outros produtos encomendados em sites de compras de países asiáticos.

Até terça-feira (29), o Ministério da Agricultura havia recebido 36 denúncias de recebimento de sementes misteriosas. No RS, os moradores relataram à Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural entregas entre março e setembro deste ano. Pelo menos seis amostras já foram coletadas no estado.

A professora Suzana Perin, de Barracão, no Norte do RS, é uma das pessoas que relatam o caso. Ela recebeu a entrega sem ter feito qualquer pedido, e quando seu marido abriu a encomenda, foi surpreendido.

“Quando ele viu dentro tinha um pacotinho transparente de um plástico com cinco sementinhas. Nós guardamos e nem pra dentro de casa levamos”, conta Suzana.

Orientação de não abrir os pacotes

O engenheiro agrônomo e fiscal agropecuário da secretaria Claudir Santa Catarina reforça que o alerta é necessário.

“Como é um recebimento involuntário, não se sabe a autoria, o propósito e o que isso representa. Não podemos correr o risco de daqui a pouco a gente abrir esse material e se multiplicar, se propagar e se tornar inclusive um prejuízo aos nosso cultivos agrícolas no futuro”, explica.

Casos semelhantes foram registrados em oito estados até terça-feira (29), entre eles Goiânia, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e Paraná. As amostras coletadas serão analisadas no Laboratório Federal de Defesa Agropecuária, do Ministério da Agricultura. A investigação busca identificar a presença de pragas ou ervas daninhas e definir a espécie das sementes, mas, até o momento, não foi possível apontar os riscos. Por isso, a orientação é para que os moradores evitem abrir os pacotes. As sementes também não podem ser plantadas nem descartadas no lixo. Claudir orienta que quem recebê-las deve acondicionar as embalagens, de preferência, dentro de mais um pacote plástico

Também é possível entrar em contato com a divisão de defesa sanitária vegetal da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do RS pelos telefones (51) 3288-6289 ou (51) 3288- 6294.

A Embaixada da China no Brasil contesta a origem e diz, em nota, que segue as normas da União Postal Universal. O país analisou as etiquetas de endereço e diz que foram falsificadas. Leia a nota na íntegra.:

As sementes de plantas são artigos proibidos como importados (ou em trânsito) ou admitidos condicionalmente para os países membros da UPU (União Postal Universal). O China Post segue estritamente as disposições da UPU e proíbe o transporte de sementes pelos Correios. Após verificação com o China Post, as etiquetas de endereço das embalagens se revelaram falsas com layouts e informações errôneos.

Fonte: G1

Continue Lendo

Geral

Quase 6 milhões foram excluídos do auxílio de R$ 300. Veja se você continua recebendo!

Publicado

em

Por

Governo estabelece novas regras que excluem muitos beneficiários do auxílio emergencial. Consulte se você ainda tem direito e veja calendário de pagamento!

O governo cortou 5,7 milhões de beneficiários da nova rodada de pagamentos do auxílio emergencial de R$ 300. Como novas regras foram estabelecidas para evitar repasses indevidos do dinheiro, agora para confirmar se continuam recebendo ou não o benefícios, os cidadãos devem consultar o site ou aplicativo do Auxílio Emergencial.

De acordo com o Ministério da Cidadania, o auxílio residual, como está sendo chamado o auxílio de R$ 300, é pago somente após a pessoa receber as cinco parcelas de R$ 600. Por isso, nem todos vão ter direito as quatro parcelas de R$ 300, pois o pagamento destas termina em 31 de dezembro, sem possibilidade de prorrogação.

Saiba se vai continuar recebendo o auxílio emergencial

  • Acesse o site ou aplicativo Auxílio Emergencial;
  • Informe dados pessoais: nome completo, CPF, data de nascimento, nome completo da mãe;
  • Marque “Não sou um robô” e clique em “continua”;
  • Aparecerá na tela uma mensagem informando se continua recebendo e quando a primeira parcela será paga.

Novas regras que impedem de receber

Se caso você foi excluído do auxílio emergencial, talvez deva se encaixar em alguma das regras que impedem o recebimento do benefício. Entre elas estão:

  • Mora no exterior;
  • Está preso em regime fechado;
  • Iniciou um emprego formal;
  • Começou a receber benefício assistencial ou previdenciário como seguro-desemprego ou outro programa de transferência de renda do governo;
  • Tem renda familiar mensal acima de meio salário mínimo por pessoa da família ou renda maior do que três salário mínimos;
  • Declarou rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 no ano base de 2019;
  • Foi incluído como dependente de declarante do Imposto de Renda;
  • Tinha posse ou propriedade de bens ou direitos no valor acima de R$ 300 mil no dia 31 de dezembro de 2019,
  • Recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados em 2019 exclusivamente na fonte com soma acima de R$ 40 mil.

Calendário de pagamento

No momento, apenas os beneficiários do Bolsa Família e as pessoas do Ciclo 3 que começaram a receber o auxílio no mês de abril estão recebendo o auxílio de R$ 300. Veja o calendário abaixo:

Ciclo 3 – para quem começou a receber em abril

  • 30 de setembro – nascidos em janeiro
  •  5 de outubro – nascidos em fevereiro
  •  7 de outubro – nascidos em março
  • 9 de outubro – nascidos em abril
  •  11 de outubro – nascidos em maio
  •  14 de outubro – nascidos em junho
  • 16 de outubro – nascidos em julho
  • 21 de outubro – nascidos em agosto
  • 25 de outubro – nascidos em setembro
  • 28 de outubro – nascidos em outubro
  • 29 de outubro – nascidos em novembro
  • 1 de novembro – nascidos em dezembro

 

Fonte: AMANDA FRANÇA/Edital Concursos Brasil

Continue Lendo

Geral

União libera R$ 5 bi para financiar MEI, micro e pequena empresa

Publicado

em

Por

Rovena Rosa

Programa integra pacote de auxílio durante pandemia da covid-19

Os microempreendedores individuais (MEI), as micro e pequenas empresas têm acesso, a partir de hoje (28), à primeira parcela de R$ 5 bilhões do Programa Emergencial de Acesso ao Crédito na modalidade de garantia de recebíveis (Peac-Maquininhas). O programa facilita o acesso ao crédito durante a pandemia da covid-19 para pequenos negócios, que faturam até R$ 4,8 milhões por ano, durante a pandemia de covid-19.

A liberação foi possível depois que o Conselho Monetário Nacional (CMN) ampliou, na semana passada, o escopo e o prazo para as instituições financeiras reduzirem o provisionamento (reserva) de recursos em caixa nas operações de crédito com recursos de programas federais. A medida reduz as travas que as instituições financeiras tinham para começar a emprestar.

Instituído pela Lei 14.042, de 19 de agosto, o Peac-Maquininhas oferecerá R$ 10 bilhões de recursos da União, liberados em duas parcelas de R$ 5 bilhões. Por meio do programa, o MEI, micro e pequeno empresário pode pegar empréstimos, fornecendo como garantia os recursos a receber originados nas máquinas de cartão de crédito e de débito.

O valor do crédito está limitado ao dobro da média mensal das vendas de bens e prestações de serviços recebidos pelas maquininhas de cartão, até o valor máximo de R$ 50 mil. Essa média será calculada com base no período de 1º de março de 2019 e 29 de fevereiro de 2020, no período anterior à pandemia.

Garantia facilitada

O Peac-Maquininhas é financiado integralmente com recursos da União. Além dos recebíveis originados nas maquininhas, as operações de crédito têm garantia do Tesouro Nacional. A instituição financeira está proibida de pedir garantias adicionais, como aval ou fiança do contratante.

Em vigor até 31 de dezembro, o Peac-Maquininhas emprestará recursos com juros de 6% ao ano. Os financiamentos têm 30 parcelas e seis meses de carência, com o tomador começando a pagar a primeira parcela apenas no sétimo mês, totalizando 36 meses. A instituição financeira não poderá cobrar quaisquer tarifas, encargos ou emolumentos para a concessão de crédito no âmbito do Peac-Maquininhas.

O MEI, os micro e pequenos empresários poderão pedir empréstimos a partir de quinta-feira (1º) em qualquer canal de atendimento das instituições financeiras habilitadas a participar do programa. Além disso, as próprias instituições participantes do programa poderão oferecer o crédito diretamente na máquina de cartão de crédito e de débito.

A lista das instituições financeiras habilitadas ao Peac está disponível na página do Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) na internet. O banco de fomento é o agente operador do programa.

Fonte: Agencia Brasil

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana