Connect with us

Segurança

Pai é preso acusado de estuprar a própria filha no interior do município de Chapecó

Publicado

em

Chapecó – Após uma semana de buscas a Polícia Civil de Chapecó prendeu na manhã desta quarta-feira, dia 14, um homem de 49 anos acusado de estuprar a própria filha. A ação foi consequência de um inquérito policial instaurado pela DPCAMI na primeira semana deste mês, após o recebimento de uma denúncia anônima sobre a possível prática de violência sexual.

Em menos de 24 horas, a equipe da DPCAMI realizou todas as diligências necessárias para a conclusão do inquérito e pediu ao Judiciário a expedição de mandado de prisão preventiva em desfavor do suspeito, que foi acatado pela Justiça.

Apurou-se que, ao longo dos últimos dois anos, o investigado vinha mantendo relações sexuais regularmente com uma das suas filhas, atualmente com apenas 11 anos de idade. Os fatos ocorriam na residência da família, na zona rural de Chapecó. Um laudo pericial juntado aos autos confirmou a existência do crime.

A vítima, que era forçada, mediante ameaças, a se submeter à violência sexual e nada relatar a terceiros, acabou relatando detalhadamente os fatos a uma psicóloga policial, bem como indicando testemunhas que confirmaram a sua versão. Foi solicitada a intervenção do Conselho Tutelar, que promoveu o atendimento médico da vítima e o seu acolhimento institucional de emergência.

Desde a expedição do mandado de prisão, há uma semana, o suspeito encontrava-se foragido, escondido em uma área de mata. Após a prisão, ele foi interrogado – ocasião em que optou por permanecer em silêncio – e encaminhado ao sistema penitenciário, onde fica à disposição da Justiça.

Fonte; Atual FM

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

RS

Após surto de intoxicação por suspeita de consumo de picolé, secretaria da Saúde do RS faz alerta

Publicado

em

Por

Xangri-Lá registrou surto de vômito e diarreia neste fim de semana — Foto: Secretaria de Saúde de Xangri-Lá/Divulgação

Em Xangri-Lá, mais de 140 pessoas procuraram atendimento com sintomas como diarreia e vômito. SES informou que há relatos de casos em Canela e Gramado. Fabricante nega que infecção seja por causa do consumo de picolé.

A Secretaria Estadual da Saúde (SES) emitiu um alerta, na terça-feira (20), sobre o consumo de picolés da marca Frutibom, após um surto de intoxicação em Xangri-Lá, no Litoral Norte do Rio Grande do Sul. Mais de 140 pessoas procuraram atendimento médico na cidade.

Segundo a SES, o Programa Estadual de Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar foi notificado na última segunda (19) sobre a ocorrência de casos, principalmente em crianças, que buscaram atendimento. Os pacientes tiveram sintomas como náusea, vômitos, dor abdominal e diarreia após a ingestão de picolés da empresa Caliston Otoniel Oliveira, que fabrica a marca Frutibom.

Até o momento, cerca de 200 casos já foram identificados em Sapiranga e Xangri-lá, além de relatos ainda não contabilizados nas cidades de Canela e Gramado, informou a SES. Todas as pessoas foram atendidas ambulatoriamente, sem necessidade de hospitalização, de acordo com a secretaria.

Após os casos, a empresa passou a ser investigada por suspeita de causar surto de doença de transmissão hídrica alimentar. A SES informou que amostras do produto e da água utilizada na produção foram encaminhadas para análise laboratorial, assim como exames de pessoas com sintomas para a identificação da doença.

A SES informou também que o local não possuía licença para a produção do alimento.

Fabricante nega

 

“Eu comercializo o meu picolé somente em Sapiranga. Eu não sei como, o meu picolé nem sequer vai até lá [Litoral]. Tenho minha produção de picolé aqui. Um mercadinho vem e compra de mim. Eu não tenho controle dos meus clientes, pra onde tão levando”, destaca.

Para Caliston, o picolé não foi o responsável pela intoxicação. “Não há lógica. Eu tenho total certeza da procedência do meu picolé”, afirma.

Ele relata que está auxiliando a Vigilância em Saúde nas análises que estão sendo realizadas nos produtos usados na fabricação dos picolés, e acrescentou que, na sexta-feira (23), um laudo completo deve ficar pronto. “Estarei provando com esse laudo que meu picolé não tem nada a ver com isso”, diz.

Sobre a licença para a produção, o fabricante explica: “Meus alvarás estão em andamento, pois a procedência do meu picolé está tudo ok”.

A Vigilância Estadual em Saúde alerta que todas as vigilâncias municipais devem notificar casos identificados do surto.

“Todos os produtos (gelados comestíveis) Marca Frutibom não devem ser consumidos como medida preventiva até a finalização da investigação”, informa.

 

Recomendações da Secretaria da Saúde

 

Em caso de ingestão de produtos da marca Frutibom, os consumidores que apresentarem qualquer sintoma como náusea, vômitos, dor abdominal e diarreia, devem seguir as seguintes orientações:

Continue Lendo

SC

Caixão com corpo dentro é encontrado no meio de mata que pegou fogo

Publicado

em

Por

Um caixão, com um corpo dentro, foi encontrado, em meio a uma mata, que pegou fogo, na tarde deste sábado, 17. De acordo com as informações dos Bombeiros Voluntários, a guarnição foi acionada para apagar as chamas em algumas árvores.

Quando faziam o combate ao incêndio nas proximidades do cemitério dos Fonsecas, em Caçador, o caixão foi encontrado. Não há informações sobre a identidade do corpo e nem o motivo de o caixão estar naquele local.

A Polícia Militar e o IGP foram acionados para as providências necessárias.

Fonte:

Continue Lendo

Notícias

Modelo, musa e empresária Carol Costa realiza desejo antigo

Publicado

em

Modelo, musa e empresária, Carol Costa realizou mais um sonho antigo nessa semana. A beldade está fazendo um treinamento especializado de atiradora, onde realizou o curso “INTRODUÇÃO DE TIRO”, no qual o aluno tem seu primeiro contato com a arma. O curso é ministrado pelo centro de treinamento BLOWBACK BRASIL, o mais conceituado e especializado em treinamentos de armamento, tiro e armeria.

A musa aproveitou o feriado e correu pra Araçoiaba da Serra, próximo de Sorocaba, para realizar o curso que era seu desejo que tinha há anos. “Demorei um pouco para fazer esse curso porque queria fazer no melhor locar e já tinha ouvido sobre o centro BLOWBACK, que tem excelência em tecnologia de armamentos trazidos diretamente dos Estados Unidos com professores altamente qualificados. Estou completamente satisfeita com a minha escolha. Demorou mas encontrei um dos melhores centros de treinamentos do Brasil”, declarou Carol Costa.

A BLOWBACK BRASIL possui espaços planejados para a realização de cursos, palestras e workshops, sejam teóricos ou práticos. Com uma estrutura diferenciada conta com recursos multimídia, assentos confortáveis e ambiente climatizado para que o aluno possa absorver o máximo dos treinamentos realizados. Os espaços planejados da BLOWBACK BRASIL são salas práticas e teóricas, ou seja, uma para montagem e desmontagem de arma e curso de recarga, enquanto a outra sala é interativa e de usinagem.

Sediados em um local estratégico, na cidade de Araçoiaba da Serra, a estrutura da BLOWBACK BRASIL conta com uma área de 2.192m² para o ensinamento teórico e prático do tiro real e um simulador de tiro virtual importado diretamente dos Estados Unidos para ser utilizado no aperfeiçoamento do treinamento de nossos atiradores. Para maior conforto dos atiradores, o setor jurídico da BLOWBACK BRASIL sempre estará à disposição para confeccionar e cuidar de todos os processos relacionados a armas de fogo e caça. Desde a concepção dos processos até o despacho para as autoridades competentes e após a emissão do parecer, retiramos e disponibilizamos a documentação para retirada em nossa sede.

Leia também:  Mulher é encontrada morta no interior de Maripá

A BLOWBACK BRASIL também conta com uma loja de artigos táticos e outdoor dentro de nossas instalações para que os atiradores possam sair de lá totalmente equipados para seu treinamento dia-a-dia.

Site: www.blowback.com.br

Endereço: Av. João Aranha, 1686 – Jardim Planalto, Araçoiaba da Serra/SP

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana