Connect with us

Brasil

Municípios devem conferir se há pendências no plano de ação da Lei Aldir Blanc

Publicado

em

Foto: Agência Brasil
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta que é preciso acompanhar o processo e verificar se há pedido de complementação do documento

Terminou no dia 17 de outubro o prazo para que as gestões municipais tivessem  manifestado interesse nos recursos do auxílio emergencial para a cultura, estabelecido pela Lei Aldir Blanc. Agora, após esta etapa, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta que é preciso acompanhar o processo e verificar se há pedido de complementação do documento.

A entidade disponibilizou uma lista com Municípios com pendência no plano de ação. Após análise, se o plano de ação não estiver de acordo com a Lei, o governo federal solicita a complementação. Nesse caso, o gestor deve fazer os ajustes na Plataforma +Brasil e enviar o plano para nova análise.

 

Quando o plano de ação é aprovado pela União, o passo seguinte é a abertura de uma conta bancária pela Plataforma +Brasil. Por meio dela os recursos são transferidos em parcela única,  devendo o Município comunicar ao gerente da agência de relacionamento quem serão os gestores locais responsáveis por operar a verba.

Caso a gestão local tenha se equivocado na indicação da agência de relacionamento do Banco do Brasil em um plano de ação já autorizado, pode solicitar a correção pelo  e-mail [email protected] A retificação só pode ser feita se o Município ainda não tiver assinado o termo de adesão.

Fonte: Brasil 61

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

PRF confirma 10 mortes em acidente com ônibus em Minas Gerais

Publicado

em

Por

Ônibus cai de viaduto em João Monlevade, de altura aproximada de 15 metros. — Foto: Redes sociais
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Um ônibus de viagem caiu da Ponte Torta, na BR-381, entre os municípios de João Monlevade e Bela Vista de Minas. Por meio do Twitter, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Minas Gerais confirmou que havia 10 mortos no local do acidente. Segundo a PRF, o ônibus tem placa de Alagoas, mas ainda não se sabe a origem, nem o destino da viagem.

“Inicialmente a PRF informa que são 10 mortes no local do acidente. Vítimas socorridas para o Hospital Margarida em João Monlevade. Ônibus com placas de Alagoas. Ainda não sabemos a origem e o destino da viagem”, informou a PRF.

Pelas redes sociais, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, afirmou que “equipes dos bombeiros, policiais, ambulâncias e helicóptero estão no local para atendimento aos feridos, apoio às famílias e apuração dos fatos”.

“Estarrecido. Toda a minha solidariedade aos familiares e amigos das vítimas do grave acidente que ocorreu nesta tarde, em João Monlevade, região central. Até o momento, 10 mortos foram confirmados nesta triste tragédia”, disse Zema.

//Agencia Brasil

Continue Lendo

Economia

Benefício do INSS já tem data para ser pago: confira

Publicado

em

Por

Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Os pagamentos deverão ser feitos entre os dias 25 de janeiro e 5 de fevereiro

A data de depósito do benefício do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está disponível para os mais de 35 mil beneficiários.

Segurados que recebem um salário mínimo, terão os depósitos referentes a janeiro feitos entre os dias 25 de janeiro e 5 de fevereiro. Quem tiver renda mensal acima do piso nacional terá os pagamentos creditados a partir de 1º de fevereiro.

A data de depósito depende ainda do número final do cartão de benefício, sem considerar o último dígito verificador, que aparece depois do traço, para aqueles que foram concedidos recentemente.

Para aqueles que possuem o benefício há algum tempo a data é a mesma que habitualmente já recebem o recurso.

Confira as datas de pagamentos de 2021

Fonte: Brasil 61

Continue Lendo

Economia

Gás de cozinha mais caro

Publicado

em

Por

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

O gás de cozinha está mais caro.

 

A petrobrás anunciou uma alta de cinco por cento no preço médio do glp. Com isso, o valor do botijão de gás de 13 quilos na distribuidora passou a custar 33 reais e 89 centavos.  Já para o consumidor este preço é bem maior. De acordo com a agência nacional do petróleo, que monitora o preço do gás no país, em novembro, antes deste reajuste, o valor médio do botijão no país era de 73 reais e 22 centavos.

 

Com este reajuste, o gás de cozinha acumula uma alta de quase 22 por cento no ano, o que representa seis reais e oito centavos a mais no valor do produto. // o preço do botijão de gás no brasil varia de acordo com cada região.

O gás mais caro do país é vendido nos estados de mato grosso, amazonas, acre, amapá e roraima e passa dos 90 reais o botijão.

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana