Connect with us

Detran/RS

Leilão do DetranRS oferta 734 veículos e sucatas em Novo Hamburgo

Publicado

em

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

O DetranRS promove na quarta-feira (12), em Novo Hamburgo, leilão de veículos e sucatas de seis Centros de Remoção e Depósito da região. O evento acontece às 10h na Câmara de Dirigentes Lojistas (Rua Domingos de Almeida, nº 708, NovoHamburgo/RS). A visitação pública dos lotes, quando será permitido conhecer e examinar os bens, ocorre nos dois dias úteis que antecedem o leilão, das 9h às 17h, nos respectivos depósitos.

No total, serão ofertados 734 itens retidos administrativamente e não reclamados pelos proprietários que estão nos depósitos de Lindolfo Collor, Ivoti, estância Velha, Campo Bom, Novo Hamburgo e São Leopoldo . Os interessados podem arrematar dois tipos de bens: sucatas para reciclagem; ou veículos com documentação (aptos para voltar à circulação). Os veículos com documentação não tem restrições policiais e/ou judiciais e são desvinculados de qualquer pendência legal ou financeira.

Veículos com documentação

Podem participar pessoas físicas e jurídicas de qualquer natureza. Para arrematar o lote, o comprador deverá apresentar no ato o RG, CPF e comprovante de residência, se pessoa física; contrato social ou cópia autenticada, CNPJ, RG e CPF do representante, se pessoa jurídica.

Sucatas

A compra de sucatas somente poderá ser realizada por empresas que atuam como desmanches de veículos, venda de peças usadas e reciclagem de sucatas registradas no DetranRS (CDVs).

As informações dos bens a serem leiloados, bem como os endereços dos locais de visitação, estão publicadas nos editais de números 14 a 19. O calendário com os demais leilões agendados e número de veículos ofertados pode ser conferido no site do DetranRS.

Informações DetranRS

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Detran/RS

Sala temporária atende demanda represada por exames do DetranRS

Publicado

em

Por

Candidatos aguardam a realização da prova - Foto: Ana Jodelis_ACS_DetranRS
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Das 150 vagas disponibilizadas na sala temporária aberta pelo DetranRS,119 candidatos a primeira habilitação e reciclagem da CNH realizaram a prova teórica nesta terça-feira (13). A sala de provas extra deverá funcionar até dezembro com cinco turmas de 30 vagas cada para candidatos da Região Metropolitana, além das já oferecidas no Centro Administrativo do Estado.

A sala de provas foi montada no Auditório da Secretaria de Segurança Pública, localizada no 9° andar do prédio localizado na Rua Voluntários da Pátria, 1.358, próximo da estação Rodoviária e do Trensurb. Até então, a força-tarefa na Capital ofertava quatro turmas por dia em Centros de Formação de Condutores (CFCs), que muitas vezes não podiam ser aproveitadas na totalidade em razão dos protocolos de segurança do distanciamento controlado, que exige distância dois metros entre os candidatos.

Com a sala de provas temporária, o DetranRS espera atender rapidamente a demanda de provas teóricas na Capital e Região Metropolitana. Em um segundo momento, se necessário, serão abertas vagas também para candidatos do Vale do Sinos.

Hoje, cerca de 37 mil candidatos já concluíram a etapa de aulas teóricas e aguardam a realização da prova para seguir o processo de habilitação.

Interior
No interior do Estado, uma força-tarefa está aplicando provas teóricas na modalidade impressa nos Centros de Formação de Condutores. Na próxima semana, serão atendidos candidatos dos municípios do Litoral.

Fonte: DetranRS

Continue Lendo

Detran/RS

DetranRS convoca servidores para atuar como examinadores e reduzir passivo nas provas

Publicado

em

Por

Servidores convocados atendem a todos os pré-requisitos para atuação como examinadores - Foto: Divulgação DetranRS
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Em audiência pública promovida pela Comissão de Segurança e Serviços Públicos da Assembleia Legislativa, na manhã desta quinta-feira (08), o DetranRS apresentou as medidas que vem tomando para reduzir o represamento de exames teóricos e práticos ocasionado pela pandemia. Uma das iniciativas foi anunciada hoje, com a publicação da Portaria nº 322, que convoca 41 servidores do quadro administrativo para atuarem como examinadores de trânsito. Esses servidores foram divididos em dois grupos, cada um dos quais atuando por um período de 45 dias. Outras medidas também estão sendo estudadas para reduzir mais rapidamente a fila de candidatos que aguardam pela prova teórica ou prática – hoje na ordem de 74 mil pessoas, resultado direto do período de 72 dias em que as atividades ficaram suspensas.

Além do reforço no contingente de examinadores, o diretor técnico do DetranRS, Fábio Pinheiro dos Santos, elencou as medidas que vêm sendo tomadas para resolver a questão. “Nas provas teóricas, estamos com um projeto-piloto, já com a adesão de doze CFCs, em que as provas são aplicadas no próprio CFC, com a supervisão remota de um servidor do DetranRS, que monitora ao vivo, por câmera, a partir de sua casa, o andamento das provas. Isso desafoga sobremaneira a fila para a realização dessa modalidade de exames. A ideia é que esse projeto seja estendido para todos os CFCs. Também, na próxima semana, teremos uma sala especial na sede da Segurança Pública, em Porto Alegre, com capacidade para atender 750 candidatos por semana”. Já em relação às provas práticas, o incremento da capacidade de aplicação passa necessariamente pelo incremento de recursos humanos. “Os 41 convocados possuem formação para atuarem como examinadores e já poderão ir a campo para ampliar a força de trabalho do DetranRS”, frisou o diretor.

Leia também:  Carro bate contra muro e fica pendurado em fios de alta tensão

Outras alternativas também estão em estudo para zerar o passivo de provas, como o trabalho dos examinadores em regime de hora extra, temporariamente, e a possibilidade de o CFC aplicar a prova, com a gravação em áudio e vídeo, que poderia ser auditada posteriormente por servidores do DetranRS. Todas as instituições representadas na reunião (DetranRS, Sindicato dos CFCs, Federação Nacional das Autoescolas, Instituto Zero Acidente, OAB/RS e Sindicato dos Servidores do DetranRS) foram convergentes no sentido de que a situação é excepcional – resultado direto da pandemia – e que a união de esforços entre todos é o caminho viável para atender os candidatos à habilitação de forma plena, ágil e segura, dentro das normas legais de trânsito e de saúde pública.

 

fabio2

Fábio Pinheiro dos Santos, diretor técnico do DetranRS, durante audiência pública realizada virtualmente – Foto: Captura de tela – TV Assembleia

Fonte: DetranRS

Continue Lendo

Detran/RS

DetranRS realiza sorteio de empresas para recolher débitos em blitze de trânsito

Publicado

em

Por

Débitos poderão ser quitados na própria blitz - Foto: Divulgação
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Em portaria publicada nesta quarta-feira (07), o DetranRS regulamenta o recolhimento dos débitos do veículo nas blitze de trânsito, conforme previsto na Lei Estadual 15.514, que institui o Programa Veículo Legal. O recolhimento será realizado por financeiras cadastradas, em calendário estabelecido por sorteio. O primeiro sorteio será realizado em 15 dias e definirá a ordem de participação nas operações de fiscalização da Balada Segura, quando estas forem retomadas. Cada órgão de trânsito deverá realizar seu próprio sorteio, estabelecendo um cronograma de operações.

As financeiras serão responsáveis por disponibilizar os equipamentos para a realização dos pagamentos no local das blitze. A operação dos equipamentos ficará a cargo de representantes dessas empresas, devidamente identificados. A normativa também prevê a possibilidade de instalação de equipamentos fixos para pagamento de débitos em locais definidos pelo DetranRS em conjunto com outros órgãos de trânsito.

A quitação dos débitos (IPVA, DPVAT, taxa de licenciamento e multas vencidas) no local da blitz só será possível quando não houver outra irregularidade registrada na abordagem. Nesse caso, e havendo a disponibilidade técnica do sistema para efetuar o pagamento, não será aplicada a medida administrativa de remoção do veículo.

No entanto, se por razões operacionais do sistema no local da abordagem, não for possível efetuar o pagamento na forma disciplinada pela legislação, o veículo será removido até a regularização dos débitos, e a informação deverá constar no campo observações do auto de infração.

Para o diretor-geral do DetranRS, Enio Bacci, esse é um grande avanço para a população gaúcha. “O proprietário do veículo poderá, inclusive, parcelar seus débitos no cartão de crédito, impedindo que o veículo seja removido a depósito. Além de evitar o transtorno de ficar sem o veículo, não pagará os custos da remoção e diárias. Esperamos poder oferecer esse recurso em todas as blitze do DetranRS e vamos orientar os demais órgãos do Sistema Estadual de Trânsito a fazer o mesmo”.

Leia também:  'Criatura' gigante aparece em VÍDEO em lago argentino

Fonte: DetranRS

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana