Jacaré é ‘abusado’ por modelo da Playboy (VÍDEO)

0
218
CC BY 2.0 / Frédéric BISSON

A modelo Francia James, de Miami, está sendo duramente criticada por utilizar um jacaré durante treinamento.

Ela está sendo acusada de abuso animal depois de expor o réptil de um metro e meio de comprimento e 31 quilos no Instagram.

Em um determinado momento do vídeo, Francia James afirmou que “os jacarés foram legais” com ela, porque ela havia prometido que eles não seriam transformados em pares de sapatos.

“Eu sempre gostei deles e queria estar perto deles, então liguei para o parque e organizei um tempo em particular com eles [os jacarés]”, disse a modelo.

No vídeo ainda é possível ver o momento em que ela se agacha, senta e abre a boca do réptil, para logo em seguida tirá-lo da água e usá-lo como peso.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Do you even lift bro? No Weights, No Problem! 🐊😳 Tag your workout partner🏋️‍♂️ @evergladesholidaypark

Uma publicação partilhada por Francia James (@francety) a

A ação revoltou muita gente, que afirmou que ela estaria abusando cruelmente dos jacarés, apenas para se promover, segundo a UNILAD.

Vale destacar que, apesar de os jacarés possuírem uma pele grossa, seu senso de toque é um dos mais sensíveis do reino animal, segundo estudo publicado na revista Journal of Experimental Biology.

Além disso, as manchas encontradas em torno do rosto e mandíbula são mais sensíveis à pressão e à vibração do que a ponta de um dedo humano, sendo assim, a modelo estaria provocando uma pressão e um desconforto desnecessário nas partes sensíveis do réptil, visando apenas “produzir um vídeo inútil para fins pessoais”, segundo uma protetora dos animais dos EUA.

//Sputniknews

Deixe seu Comentário! Comentários de leitores ou artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião do G10News