Connect with us

INSS

INSS vai ampliar funções de cartão

Publicado

em

A partir do ano que vem, o INSS vai aumentar as funções do cartão-benefício dos aposentados. Hoje, só é possível utilizar o cartão do INSS para a retirada integral do dinheiro no banco, ou seja, o aposentado saca tudo de uma vez. A partir de 2020, o cartão-benefício poderá ser utilizado para compras no débito e para saques menores, de acordo com a necessidade do aposentado. O objetivo principal, de acordo com o INSS é dar mais segurança aos aposentados, principalmente para os casos conhecidos como “saidinhas de banco”, quando o criminoso surpreende a vítima que acabou de sacar grande quantidade em dinheiro. O INSS lembra que mesmo com o novo cartão, o aposentado ainda precisa comparecer ao banco pelo menos uma vez ao ano para fazer a prova de vida

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Especial

Aposentado sofre na fila, e presidente do INSS pede pra sair

Publicado

em

Por

O presidente do INSS, Renato Rodrigues Vieira, pediu demissão do cargo em meio à crise do acúmulo de pedidos de aposentadorias.

Já são mais de dois milhões de solicitações pendentes no INSS. O governo já até assinou o decreto que autoriza o uso de militares em uma força-tarefa para acabar com a fila, mas até agora não houve a convocação dos reservistas.

O ministério público junto ao tribunal de contas da união apontou irregularidade na contratação exclusiva de militares. A previdência social informou que irá abrir espaço para a convocação de servidores civis, mas isso dependerá da criação de uma medida provisória. Renato vieira estava há mais de um ano na presidência do INSS e tinha prometido resolver tudo em seis meses.

O secretário geral da previdência social, Rogério Marinho, reconhece que o aposentado está sofrendo na fila, mas garante que o tempo de espera será reduzido.

A presidência do INSS será assumida pelo atual secretário de previdência, Leonardo Rolim.

Continue Lendo

Especial

Assinado decreto que promete acabar com fila do INSS

Publicado

em

Por

O presidente da república em exercício, Hamilton mourão, assinou o decreto que permite a contratação de militares para o INSS.

Mesmo com processo no tribunal de contas da união alertando sobre a irregularidade da contratação, o governo deu segmento na ideia. A proposta é convocar sete mil militares aposentados para atuarem no atendimento ao público no INSS. Com isso, servidores da casa serão destinados para a análise de benefícios. A fila de espera por uma nova aposentadoria já acumula quase dois milhões de pedidos. A secretaria de previdência ainda estuda uma saída para não contrariar o TCU. Uma delas é contratar também servidores aposentados do INSS, mas isso vai depender de uma medida provisória ou projeto de lei. Enquanto isso, a secretaria de previdência informa que apesar do decreto já está assinado não há previsão legal para começar a convocar os militares.

Continue Lendo

Especial

Quase 2 milhões de pedidos aguardam na fila do INSS

Publicado

em

Por

Quase dois milhões de pedidos de aposentadorias aguardam há mais de 45 dias na fila de espera no sistema do INSS.

Entre as solicitações estão pedidos de benefícios assistenciais, como o bpc, benefício de prestação continuada, pago para idosos e deficientes de baixa renda. O número chega perto do de julho no ano passado, quando a fila de espera por uma nova aposentadoria acumulava mais de dois milhões e meio de pedidos. 45 dias é o prazo legal para que o inss conceder um benefício assistencial ou aposentadoria, mas de acordo com o próprio órgão a espera pode chegar a cinco meses. O motivo pela grande quantidade de pedidos acumulados é a falta de servidores, segundo uma nota técnica da secretaria de previdência entregue ao congresso nacional.

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana

Notícias no seu WhatsApp whatsapp