Connect with us

Boas Notícias

Havan inaugura quinta-feira, dia 12, em Guaíba, a 10ª megaloja no Rio Grande do Sul

Publicado

em

Fachada da Havan em Ijuí divulgação
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

A loja mais amada do Brasil inaugura na quinta-feira, dia 12, a 10ª megaloja Havan no estado do Rio Grande do Sul. Desta vez, a cidade escolhida é Guaíba, na Região Metropolitana de Porto Alegre. A loja de número 152 abre as portas a partir das 9h, com funcionamento diário até as 22 horas.

Com um mix de produtos de mais de 100 mil itens nacionais e importados em diferentes setores, como: cama, mesa e banho, eletro, eletrônicos, utilidades domésticas, bazar e outros, a Havan de número 152 terá 8,5 mil m² de área construída, ambiente climatizado e mais 400 vagas de estacionamento gratuitas para os clientes. Além de praça de alimentação e a tradicional fachada estilizada da Casa Branca americana.

Luciano Hang destaca que está muito feliz em chegar a marca de 10 megalojas no estado gaúcho, gerando novas oportunidades de empregos diretos e mais diversos indiretos. “Cada loja que inauguramos gera 150 novos empregos. Eu sou um otimista nato. Acredito no Brasil e na importância do emprego para dar liberdade para as pessoas. Essa é a nossa motivação e para cada loja que abrimos, nasce um novo desejo de inaugurar a próxima. Vamos em frente!.”

Atualmente, a rede varejista possui filiais no Rio Grande do Sul, nas cidades de Caxias do Sul, Erechim, Gravataí, Ijuí, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria e Viamão. Além de Guaíba, a próxima Havan a ser inaugurada no estado será em Capão da Canoa, sem data prevista.

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Boas Notícias

Agência Europeia de Medicamentos prevê distribuição de vacinas contra o coronavírus em janeiro

Publicado

em

Por

Vacinas da Pfizer e da BioNTech estão entre as mais avançadas Foto: Reprodução
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

O diretor da EMA (Agência Europeia de Medicamentos), Guido Rasi, afirmou neste sábado (14) que uma vacina contra o novo coronavírus pode começar a ser distribuída na Europa a partir de janeiro.

“Se os dados são sólidos, poderemos dar o sinal verde para a primeira vacina até o fim do ano e começar a distribuição a partir de janeiro”, declarou o diretor.

A Comissão Europeia, responsável pela autorização final das vacinas, anunciou que acertou com a Pfizer e a BioNTech a compra de cerca de 300 milhões de doses do imunizante.

“Temos recebido também dados pré-clínicos da AstraZeneca e tivemos várias discussões com a Moderna. Com uma vacina no mercado em janeiro, teremos os primeiros efeitos sobre a propagação do vírus em cinco ou seis meses, especialmente durante o próximo verão europeu”, destacou o diretor.

Ainda que as previsões otimistas se confirmem, Rasi afirmou que está claro que não será possível uma vacinação ampla da população, e pessoas “mais expostas”, como idosos e profissionais da saúde, devem ser priorizadas. Rasi acredita, no entanto, que vacinar mais da metade da população europeia, algo em torno de 500 milhões de doses, terá um efeito significativo na contenção da pandemia.

“Se tudo correr bem, até o final de 2021 teremos uma imunização suficiente”, completou. O mandato de Rasi na diretoria da EMA terminou nesta sexta. A farmacêutica Emer Cooke substituiu ele no posto.

O Sul

Continue Lendo

Boas Notícias

CNH sem autoescola? Condutores poderão optar por um novo processo de habilitação

Publicado

em

Por

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Projeto prevê que os órgãos de trânsito disponibilizem material gratuito para a prova teórica, e autorizem que instrutores independentes apliquem o exame prático.

Continue Lendo

Boas Notícias

Inscrições para guarda-vida civil temporário se encerram em 31 de outubro

Publicado

em

Por

Profissionais selecionados atuarão supervisionados e sob comando de bombeiros militares - Foto: Divulgação CBMRS
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui

Serão selecionados até 600 candidatos para atuação em salvamento aquático entre novembro de 2020 em abril de 2021

O Corpo de Bombeiros Militar do Rio Grande do Sul (CBMRS) vai selecionar até 600 guarda-vidas civis temporários para o verão. O prazo para a inscrição no processo seletivo se encerra neste sábado (31/10). Os selecionados atuarão de novembro de 2020 a abril de 2021, podendo este período ser reduzido, conforme as necessidades do CBMRS.

A atividade a ser realizada pelos selecionados é a de salvamento aquático, sempre supervisionados e sob comando de bombeiros militares, aos quais estarão administrativa e operacionalmente subordinados.

Conforme a Lei 15.187, no período de treinamento, o salário será de R$ 2 mil. No período de contratação, R$ 2 mil mais acréscimo de 100% a título de risco de vida.

Para se candidatar à capacitação, é preciso ter no mínimo 18 anos e, no máximo, 55 anos de idade no momento da inscrição, e nível de escolaridade com o Ensino Fundamental completo.

Para a recertificação, além dos mesmos limites de idade e escolaridade, é necessário que o candidato já tenha participado de Operação Verão do CBMRS como guarda-vida civil temporário. Do total de vagas, 200 serão para capacitação e 400, para recertificação.

• Clique aqui para fazer a inscrição, verificar a documentação necessária e as etapas do processo seletivo.

Texto: Ascom CBMRS

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana