‘Eu era uma vítima de estupro’: modelo brasileiro inflexível sobre as acusações de agressão sexual de Neymar

0
194
Najila Trindade Mendes de Souza, que acusou o jogador Neymar de estupro © AFP / HO / SBT | Neymar do Brasil REUTERS / Ueslei Marcelino
A modelo brasileira Najila Trindade Mendes de Souza ganhou atenção mundial depois que ela trouxe acusações de estupro contra o atacante do PSG Neymar, alegando que o jogador a agrediu em um quarto de hotel em Paris.

A atleta de 26 anos disse que ficou “traumatizada”  depois do incidente em que ela alega que o futebolista brasileiro se tornou violento e agressivo antes de forçá-la a ter relações sexuais.

Aparecendo na TV brasileira nesta semana, Mendes de Souza detalhou o suposto assalto cometido pelo jogador mais bem pago do mundo, além de confirmar que ela concordou em voar para Paris para passar um tempo com o atacante. O modelo negou, no entanto, que qualquer sexo fosse consensual e insistiu que ela havia sido vítima de um estupro.

modelo Najila Trindade Mendes de Souza © AFP / HO / SBT

Ela confirmou que entrou em contato com Neymar no Instagram, em busca de iniciar um relacionamento com o jogador. Depois de trocar mensagens de natureza sexual, Neymar convidou Mendes de Souza para Paris, prometendo pagar todas as despesas de viagem.

Mendes de Souza também alegou que se recusou a participar de qualquer sexo sem preservativo, mas que o jogador ignorou seus pedidos.

” A partir do momento em que ele me segurou, violentamente me batendo, ele estava me forçando a ficar lá, naquele lugar “, acrescentou.

Neymar negou repetidamente todas as alegações, insistindo que ele é vítima de uma tentativa de chantagem. Em uma tentativa de provar sua inocência, ele compartilhou imagens de Mendes de Souza para confirmar que seu relacionamento era consensual.

No entanto, isso desencadeou uma investigação pela divisão de cibercrime do Rio de Janeiro, já que as imagens foram postadas sem a permissão dela.

Na quinta-feira, imagens de vídeo surgiram na mídia social mostrando que Neymar foi atacado por Mendes de Souza um dia depois da suposta agressão sexual.

RT

Deixe seu Comentário! Comentários de leitores ou artigos assinados são de responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião do G10News