Connect with us

Empreendedorismo

DLK Modas é destaque do e-commerce brasileiro e se torna case de sucesso

Publicado

em

A DLK também conta com um time de influenciadoras de peso como Aline Riscado, Aline Mineiro e Carol Saraiva e parcerias como Lívia Andrade e as bailarinas da cantora Anitta
O mercado de fitness continua em plena expansão no país, e isto tem impulsionado diversos outros setores relacionados, como o da moda, que tem experimentado crescimento devido a maior demanda por roupas e acessórios que sejam adequados para quem pratica exercícios físicos  e graças a crescente demanda da população por produtos que estejam adequados a esse estilo de vida.

Entre as maiores demandas deste mercado está a moda fitness, que são roupas desenhadas para melhorar o desempenho durante a prática de exercícios físicos. Neste nicho, a DLK tem se destacado, se consolidando como uma das principais empresas no e-commerce nacional. A marca tem sido vista como um case de sucesso, apostando em um modelo dinâmico de negócios, com vendas exclusivamente pela internet em sua loja virtual.

O sucesso da marca também se deve a uma estratégia de divulgação pensada na internet e nas redes sociais, através de influenciadoras digitais que são celebridades e possuem milhões de seguidores, além de conhecidas do grande público: “Temos um time de influenciadoras como Aline Riscado, que estampa a nova coleção em ensaio fotográfico feito em Nova York nos Estados Unidos, Aline Mineiro, Dani Bolina, Bianca Andrade, Lorena Improta e Carol Saraiva e as gêmeas Gabi Valeska. Temos parceiras de divulgação como Lívia AndradeMaria Joana e o ballet da Anitta (vestimos as meninas para os shows). Isto é fundamental para a marca”, comenta Arianny Vianna, CEO da DLK.

Além do fitness 

No entanto, apesar do crescimento do mercado de fitness, o mercado da moda segue seu crescimento independente. Projeções da FIESP apontam que se deve experimentar um crescimento neste setor no Brasil de mais de 3% ao ano até 2021. Segundo o IEMI – Inteligência de Mercado, para 2019, a expectativa é de crescimento no varejo de vestuário de 2,6% em peças e 4,2% em valores nominais, em comparação ao ano passado.

Por esse motivo, a DLK também tem posicionado no mundo da moda de forma a ir além do fitness: “Apesar de sermos uma marca conhecida pelo fitness, temos nos inserido no mundo fashion. Recentemente lançamos o fashion fitness, ressignificando peças que são para academia, mas podem ser usadas no dia a dia (para essa campanha, por exemplo, fizemos um camarote VIP no show da Anitta, onde todas as influenciadoras estavam no evento usando roupas da marca. Agora, vamos lançar uma coleção de moletom com uma pegada fashion”, aponta o diretor da marca, Leonardo Monteiro.

Continue Lendo
Patrocinado
Clique para comentar

Deixe seu Comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Empreendedorismo

Personal Shopper Mariana Fernandes oferece serviço de compras express direto dos Estados Unidos

Publicado

em

Mariana Fernandes, CEO da Personal Shopper M&L, filma promoções em lojas norte-americanas e clientes podem aproveitar os preços mais baixos

Orlando é a porta de entrada para a realização do sonho de consumo de todo brasileiro: outlets e lojas com as mais famosas marcas internacionais e produtos para todas as idades e gostos. E para facilitar o acesso a tão desejados itens a brasileira, Mariana Fernandes, CEO da Personal Shopper M&L ,que reside na região há 5 anos, uniu sua paixão pelas compras à busca incessante por descontos e promoções e passou a oferecer o serviço de Personal Shopper aos brasileiros que querem produtos Importados. Além daqueles que fazem suas compras online sem sair de casa.

“Muitos escolhem Orlando como centro de compras para todos os itens, principalmente por conta dos excelentes outlets da região que reúnem as melhores e mais procuradas marcas, com valores imperdíveis! Temos uma equipe de consultoria que orienta os clientes tanto presencialmente quanto à distância visando sempre encontrarmos o produto desejado com o melhor valor do mercado. Nosso intuito é fazer com o que o cliente faça a melhor compra possível!

Como diferencial de seu serviço a consultora utiliza a tecnologia com transmissão em vídeo para facilitar as escolhas. Durante as compras personalizadas, realiza vídeos via Facetime de forma que, mesmo estando no Brasil, o consumidor pode visualizar os produtos direto das lojas norte-americanas. Mariana oferece também a opção de compras express que se tornou o serviço queridinho da empresa, criado em agosto do ano passado.

O serviço funciona da seguinte maneira: a personal vai até uma loja e filma todos os produtos e promoções. Então, o cliente pode reservar os itens de seu interesse, aproveitando os preços mais baixos. Os pedidos são tantos que Mariana muitas vezes tem que limitar a 30 clientes por dia, para garantir a qualidade no atendimento.

“Com os vídeos, o cliente tem certeza de qual produto está comprando, é como se estivesse presente no local”, observa Mari, e completa: “o índice de satisfação com esse sistema é de 100%. Tenho clientes que compram o ano inteiro nessa modalidade”, diz.

Outro produto oferecido pela consultora é o redirecionamento que é uma modalidade de serviço para compras online, quando o cliente escolhe diretamente nos sites norte-americanos os itens que deseja e envia para o endereço nos EUA, que os redireciona ao Brasil. E para quem não possui cartão de crédito internacional, há ainda o serviço de compras assistidas, em que o cliente pode realizar o pagamento via boleto, transferência ou até mesmo parcelado em até 12 vezes no cartão de crédito nacional.

Vale destacar que a profissional oferece todos as opções do mercado de envio, como transporte marítimo e aéreo. Ela também orienta o cliente na pesagem, para que o consumidor possa saber qual a melhor opção de entrega

https://instagram.com/personalshopperml?igshid=in0gfbr1kaie

Continue Lendo

Empreendedorismo

Professor de artes marciais Roger Chedid relembra acidente grave e dá detalhes sobre sua palestra motivacional

Publicado

em

Ele ficou com o pescoço quebrado após um lutador cair sobre sua cabeça

O professor de artes marciais Roger Chedid relembrou o acidente grave que sofreu e como a sua vida mudou. Ele diz que, em 45 dias, tudo aquilo que eu tinha aprendido a chamar de vida podia deixar de existir.

Em 1995, Chedid trouxe para o Brasil quatro lutadores de Kenpô Havaiano para uma série de demonstrações.

“Foi um grande momento da minha vida! Fizemos muitas apresentações até que um dia fomos convidados encontrar os atletas profissionais do São Paulo, no Centro de Treinamentos do time. O piso não era o ideal, era uma gramado úmido… e quando eu e outro lutador, um cara com mais de cem quilos, fomos repetir um movimento que já havíamos feito dezenas de vezes em ginásios, auditórios, estúdios de TV, ele escorregou e caiu errado por cima de mim. Bati com o queixo no chão. Fiquei desnorteado, uma dor forte no meu pescoço, mas consegui fazer o giro e levantar sozinho.Na mesma hora, me levaram para o ambulatório do CT e me aplicaram choques no local por uns 40 minutos e no dia seguinte estava de novo fazendo as mesmas demonstrações. As dores tinham diminuído muito e eu acabei nem indo para um hospital. Ficou por isso mesmo.Continuei minha história sem dar a menor importância para esse acidente. Mas, hoje, quando fecho os olhos lembro exatamente do momento em que minha vida começou a mudar. O tombo, a dor…Para vocês terem uma ideia de como as coisas pareciam estar normais comigo, em 2.000, cinco anos depois, eu disputei o Campeonato Mundial de Defesa Pessoal e fui o quarto colocado. No Uruguai, no mesmo ano, no Campeonato Sul Americano, fui o campeão.E foram várias competições, amores, trabalho, dinheiro… até que o corpo começou a cobrar a conta. Em 2005 comecei a sentir um desconforto físico, chegava na academia – nessa época eu já era professor – e minhas pernas ficavam bambas, não conseguia ficar muito tempo em pé e tinha que sentar. Depois de um tempo, comecei a puxar a perna esquerda.E como desgraça pouca é bobagem na mesma época meu pai foi internado com hepatite B e dois dias depois, dois dias (!), a minha mãe foi internada com diabetes. Minha vida se equilibrava entre cuidar de meus pais e trabalhar, ao mesmo tempo não sabia o que estava acontecendo comigo, parecia que meu corpo estava morrendo”, conta.

“Minha cabeça girava e meu corpo piorava dia-a-dia e em novembro fui procurar os médicos para saber o que estava acontecendo com meu corpo.

Tive um pré-diagnóstico de esclerose múltipla. O nome é horrível e a doença em si ainda pior. Nos exames apareceu uma compressão na medula na altura da primeira vértebra. Para os médicos, eu era um milagre, pois em todos os casos iguais, ao meu o paciente ou havia falecido ou ficado tetraplégico. Eu estava vivo e andando, mas não consegui comemorar isso porque eu piorava a cada dia. Em 2012, eu estava quase indo para cadeira de rodas quando fui apresentado para o Dr Alexandre Sadao, um grande especialista em coluna. Ele olhou as imagens da ressonância viu que na verdade a minha primeira vértebra estava quebrada e solta, e ela estava esmagando a medula. Por isso eu fiquei com problema de coordenação motora, equilíbrio e sensibilidade profunda.Em outras palavras, eu tinha quebrado o pescoço. Era final de setembro de 2012. 17 anos depois de bater o queixo com violência no chão, eu soube o que havia de errado comigo. Convivi 17 anos com um problema de uma dimensão que eu nem sequer imaginava. Antes de ser operado, passei por uma neurologista do plano de saúde que queria confirmar o diagnóstico. Ela concluiu que eu era um tetraplégico incompleto. Isso até hoje me atormenta. Que tipo de lição que devo tirar desses 17 anos de ignorância? As vezes penso que se fazemos as coisas sem conhecer nossos limites podemos ir mais longe; outras vezes acho que nós escondemos de nossos problemas até um ponto em que eles podem se tornar mortais. Penso, também, em quantas coisas aconteceram nesses 17 anos. E o que estava acontecendo dentro de mim e que eu não sabia. Quantas coisas podem estar transformando a gente, minando nossas forças, sem que a gente perceba. Transformações importantes às vezes são silenciosas. Se a gente não estiver atento…

Sei lá… acho que dessa minha história cada um pode tirar uma lição diferente. É uma obra aberta”.

Roger diz que é crueldade tentar reescrever o passado com a cabeça que temos no presente.

“Falar sobre o que teríamos feito ontem, pensando como pensamos hoje. A vida é rio, ela vai adiante rumo ao mar. Nunca volta ao mesmo ponto. A água que passou, passou.Mas eu gostaria, do fundo do meu coração, de ser o homem que sou hoje quando meu pai estava em seu leito de morte. Sempre tivemos uma relação de amor e respeito, mas o afeto não fazia parte de nosso dia a dia. Hoje eu pegaria meu pai em meus braços, o beijaria e tentaria explicar o quanto eu o amava. Diria de uma maneira que não deixasse dúvidas. Gosto muito de quem eu me transformei, esse novo Roger, que vai fazer 07 anos de idade no próximo dia 15 de novembro. E acho que meus pais gostariam de conhecer esse cara.As pessoas quando morrem deixam atrás, para quem as conheceu, um vazio, um espaço. Esse espaço possui contornos e é diferente a cada morte”.

Roger fala sobre os 11 pontos que aborda em sua palestra motivacional:

1. A minha história como multi atleta, fui seleção paulista de futebol de salão com 10 anos, vice-campeão brasileiro de saltos ornamentais e camião sul-americano com 11, seleção paulista de karatê com 18, me tornei artista da sea World de San Diego com 21, trabalhando para a maior empresa de shows aquáticos do mundo, maxwells Associates Inc. , campeão sul-americano de defesa pessoal com 30 anos.

2. Conto do meu acidente no CT do São Paulo Futebol Clube que me deixou 17 anos com o pescoço quebrado sem saber

3. Como descobri e quando a fratura

4. as limitações que isto causou na minha vida e como convivo no dia a dia

5. O grande risco que eu corria na minha cirurgia

6. Quando e porque pedi 45 dias para o doutor para efetuar a cirurgia

7. como foram meus últimos 45 dias

8. O sentimento e o que fiz no meu último dia, no dia da cirurgia

9. O meus sentimentos na volta da cirurgia

10. a mudança que isto fez na minha vida

11. E como vivo a vida com alegria nos dias de hoje

Continue Lendo

Empreendedorismo

Hipnólogo e neurolinguista Lucas Naves usa sua influência para ajudar na saúde emocional

Publicado

em

Um dos maiores professores de Hipnose do Mundo usa sua influência na quarentena para ajudar na saúde emocional   
Hipnólogo e neurolinguista Lucas Naves é referência internacional no ensino da Hipnose Clínica e da PNL. Conhecido por criar uma linha autoral de terapia tem transformado a vida de milhares de pessoas com seus cursos online. No Brasil vem se destacando em programas em Rede Nacional abordando sobre a hipnose.

Com a doença Covid-19, outros problemas sérios de saúde estão em destaque. Como depressão, síndrome do pânico, dente outros.

Lucas resolveu então usar toda sua influência para milhares de pessoas que o acompanha em dar dicas sobre saúde emocional, imunidade, programação neurolinguística.

Lucas Naves – Foto Júlio Ruas

Com essas dicas seus seguidores estão entusiasmados por terem conseguido melhorar o equilíbrio emocional.

Pra evitarmos tudo isso devemos praticar a auto hipnose. Lucas Naves relata que através de exercícios simples de respiração, visualização e associado a declarações verbais, podemos manter nosso equilíbrio emocional e nossa imunidade em dia”.

Formado em psicanálise e fascinado por entender como funciona o inconsciente. Lucas desde muito jovem “devorava” livros sobre assunto, incluindo neurociências, hipnose, PNL e terapias alternativas em suas bases de pesquisa.

Lucas Naves – Foto Júlio Ruas

Lucas que aos 14 anos teve depressão e gagueira, através da auto-hipnose conseguiu se tratar. A hipnose é ideal para quem queira se livrar de traumas, medos e insegurança. Lucas Naves superou todas as barreiras e hoje é o professor brasileiro com maior número de alunos formados.

Para acompanhar mais sobre a carreira de Lucas basta segui-lo no Instagram: @lucasnavesoficial

YouTube: Lucas Naves
Site:  https://www.lucasnaves.com.br/  

Crédito das Fotos: Júlio Ruas / PCB & CCB News Assessoria – Divulgação  

Lucas Naves – Foto Júlio Ruas

Continue Lendo

Newsletters

Receba as Notícias do Site direto em seu email! Cadastre-se gratuitamente:
Patrocinado
Patrocinado

Mais lidas da semana

Notícias no seu WhatsApp whatsapp