InícioRio Grande do SulCom apoio do Avançar na Saúde, Hospital Geral de Caxias vai ampliar...

Com apoio do Avançar na Saúde, Hospital Geral de Caxias vai ampliar leitos em 50%

O governador em exercício, Ranolfo Vieira Júnior, e a secretária da Saúde, Arita Bergmann, assinaram, nesta terça-feira (5/10), o convênio para o repasse de R$ 15 milhões ao Hospital Geral de Caxias do Sul, na Serra. Referência para 1,2 milhão de pessoas, a instituição planeja ampliar em 50% do número de leitos a partir de março do ano do próximo ano. Serão 118 a mais, passando dos 237 atuais para 355 leitos nas áreas de internação clínica, UTI adulta, pediátrica e neonatal.

 

“Precisamos dessa expansão”, disse a secretária de Saúde durante a cerimônia. “Cento e dezoito leitos são importantes não só para essa região. São muito importantes para o Estado do Rio Grande do Sul. E, sendo um hospital público, com a gestão da Fundação, com a parceria do Estado, estamos juntos para ir para Brasília e habilitar os leitos o mais rápido possível”.

Para concluir a obra, iniciada em 2014 e que passou por uma interrupção entre 2017 e o ano passado, quando foi retomada com ajuda da comunidade, o governo do Estado repassará recursos por meio do programa Avançar para as Pessoas na Saúde, que promove a qualificação da rede hospitalar, da assistência farmacêutica e das unidades básicas de saúde.

 

“Anunciamos quase R$ 250 milhões para a saúde, de onde se originam esses R$ 15 milhões que estamos repassando”, ressaltou o governador em exercício. “Tudo aquilo que nós todos queremos, gaúchos e gaúchas, estamos conseguindo alcançar e o exemplo é esse valor que estamos repassando”.

Atualmente, a unidade oferece assistência em diferentes especialidades e serviços, como diagnóstico e terapia, urgência e emergência, procedimentos cirúrgicos, internações, serviços de UTI, cirurgias cardíacas, atendimento a gestantes de alto risco, captação e transplante de córneas, aos 49 municípios que fazem da 5ª Coordenadoria Regional de Saúde.

 

Também conta com uma Unidade de Alta Complexidade em Oncologia, que oferece serviços de oncologia e hematologia adulto e pediátrico, cirurgia oncológica e radioterapia. Além disso, funciona como hospital de ensino para estudantes da área das Ciências da Vida da UCS e médicos em especialização.

A ampliação do complexo hospitalar possibilitará a expansão de 70% da área física e 62% da capacidade de atendimento. Quanto aos leitos, serão 77 destinados a internação, 20 na UTI adulta, 11 na UTI pediátrica e 10 na UTI neonatal. A liberação dos recursos levou à retomada das obras, com conclusão prevista para março.

 

“A maioria dos leitos será para casos de alta complexidade, uma demanda da população”, explicou o diretor do hospital, Sandro Junqueira. “Com a pandemia, essa demanda por alta complexidade cresceu no Estado, mas aqui é permanente”.

 

Hospital Caxias 1
Com os recursos do convênio, o hospital abrirá mais 118 leitos – Foto: Divulgação/ SES

 

Para a secretária, será especialmente importante a abertura dos leitos na UTI neonatal:

“A UTI neonatal é a que mais necessitamos. Não há carência, temos uma rede potente no Estado. Mas parto sempre é urgente e só isso já vale a pena”.

Foi durante uma visita do governador Eduardo Leite, em junho, que a conclusão da obra foi acertada. Para Junqueira, o programa Avançar na Saúde, que inverte a lógica dos investimentos na saúde, oferecendo recursos para ampliar o atendimento, é uma surpresa positiva.

“Estou na área médica desde 1994 e é a primeira vez que o governo investe em hospitais. Isso vai permitir ampliar e qualificar o atendimento”, disse, lembrando que o hospital foi construído pelo governo do Estado e repassado à Fundação Universidade de Caxias do Sul (Fucs) em 1998. “É um investimento no SUS”.

 

Avançar na Saúde

O programa Avançar para as Pessoas na Saúde prevê investimentos de R$ 249,7 milhões na saúde do Rio Grande do Sul até o final de 2022. Só na rede hospitalar serão R$ 177 milhões para obras, reformas e aquisição de equipamentos. A Rede Bem Cuidar RS, voltada para a atenção básica, receberá outros R$ 31,4 milhões, enquanto o Farmácia Cuidar+ terá R$ 21 milhões.

 

A iniciativa faz parte do Avançar RS, programa transversal lançado em junho deste ano que passou a envolver as iniciativas com as quais o governo pretende acelerar o crescimento econômico e incrementar a qualidade da prestação de serviços à população.

Assessoria de Comunicação Social – SES/RS
Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui
Gostou desta notícias? Compartilhe nos botões abaixo!
LEIA TAMBÉM

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Mais lidas

Trabalhadores nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial

Parcela foi depositada no último dia 1º   Trabalhadores informais e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) nascidos em outubro podem...

Anitta lança música “Faking love”, com a rapper americana Saweetie

A cantora Anitta saciou a sede de lançamentos dos seus fãs na noite desta quinta feira (14), com a música “Faking love”. Neste single,...

Operação Vetus 2 investiga crimes contra idosos

A operação é coordenada pelo Ministério da Justiça   Policiais civis de todo o país deflagraram hoje (15) a Operação Vetus 2, com o objetivo de...
Publicidade

Assine a nossa newsletter

As principais notícias do Portal G10News diretamente em seu e-mail: