InícioTecnologiaAtaques Hackers Com Pedidos De Resgate Quadriplicam

Ataques Hackers Com Pedidos De Resgate Quadriplicam

Percebe-se um aumento considerável de notícias sobre empresas atacadas por hackers que tiveram seus dados criptografados e posteriormente pagaram resgate em Bitcoins para consegui-los de volta. No Brasil, a falta de investimento em segurança da informação, escassez de especialistas e a falha em uma legislação específica para proteção de ambientes críticos pode ser a causa do aumento expressivo de ataques.

 

São Paulo/SP,01/10/2021 –

Nos últimos meses, percebe-se um aumento considerável de notícias sobre empresas atacadas por hackers que tiveram seus dados criptografados e posteriormente pagaram resgate em Bitcoins para consegui-los de volta. No Brasil, a falta de investimento em segurança da informação, escassez de especialistas e a falha em uma legislação específica para proteção de ambientes críticos pode ser a causa do aumento expressivo de ataques.

 

De acordo com um relatório da Chainalysis, empresa que analisa o uso de criptomoedas em transações criminosas, em 2020 houve um aumento de 311% nos pedidos de resgate por dados sequestrados, e pelo menos US$ 350 milhões de dólares foram pagos a grupos criminosos.

Já no Brasil, dados divulgados pelo grupo Mz, empresa especializada em relações com investidores, mostram que, só no primeiro semestre deste ano (2021), houve um aumento de 220% nas notificações referentes a ataques cibernéticos contra empresas brasileiras, em relação ao mesmo período do ano passado. O estudo foi feito com informações oficiais da CVM (Comissão de Valores Mobiliários).

 

Mas por que isso está acontecendo?

Devido a diversos fatores, mas em um contexto amplo pode-se dizer que dados são o novo petróleo. Das 10 empresas mais valiosas do mundo pela Forbes, seis são empresas tecnológicas que trabalham essencialmente com dados.

No Brasil, a falta de investimento em segurança da informação, escassez de especialistas e a falha em uma legislação específica para proteção de ambientes críticos pode ser a causa do aumento expressivo de ataques.

Um sinal desse aumento é a divulgação pela mídia de grandes empresas, relatando oficialmente um ataque hacker e a paralisação de suas operações. Essa exposição negativa, se deve a novas regulamentações, que obrigam as empresas a divulgarem seus danos e a exposição de dados pessoais, como a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais) e algumas normas da CVM e do BACEN.

 

Frente a transformação digital, ocorrida de forma acelerada pela pandemia, empresas têm investido constantemente para trazer mais resiliência às suas operações.

Tudo isso levou a uma alta demanda por serviços de segurança da informação em todo o mundo.

Outra pesquisa importante da IntSights, divulgada no Brasil pela Safeway, mostra que o trabalho remoto trouxe diversos riscos às empresas nesta pandemia, além de grupos chineses que estão aproveitando o momento para realizar ataques avançados.

 

E como se proteger rapidamente?

Para Umberto Rosti, Chairman da Safeway, consultoria de cibersegurança e risco digital, “as empresas têm investido fortemente em um Security Operation Center (SOC), operando 24 horas por dia, de forma a auxiliar no monitoramento, prevenção e na resposta a incidentes de segurança”.

 

O executivo analisa ainda que, “com essa prática, a organização eleva sua maturidade de segurança e compliance rapidamente, diluindo seus custos e não precisando se preocupar em adquirir novas tecnologias e especialistas para sua operação. Com essa estratégia, as empresas conseguem reduzir seu risco operacional, além do board da companhia ter um reporte do risco operacional direto e isento”.

 

“A transformação digital trouxe novos riscos às empresas e não estar preparado pode deixá-lo fora do mercado por um mero descuido relacionado a cibersegurança”, finaliza Rosti.

 

 

Website: http://www.safewayconsultoria.com

Quer receber notícias do G10News pelo whatsapp? Clique aqui
Gostou desta notícias? Compartilhe nos botões abaixo!
LEIA TAMBÉM

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Mais lidas

Ministro da Cidadania diz que o governo busca recursos para pagar o benefício médio do Auxílio Brasil de R$ 300

O ministro da Cidadania, João Roma, reafirmou que a ideia do governo é que o novo programa de transferência de renda, o Auxílio Brasil,...

Mãe de recém-nascida é agredida pelo companheiro e chutes atingem cirurgia cesariana

Vítima, de 22 anos, contou que foi colocada à força para fora de casa com a filha. Suspeito, de 27 anos, negou as agressões...

Tamy Contro desabafa sobre hates após Projota no “BBB21”: “Não estava preparada”

Tamy Contro, de 28 anos, aprendeu como é lidar com o BBB do lado de fora da casa, já que leu críticas e ameaças...
Publicidade

Assine a nossa newsletter

As principais notícias do Portal G10News diretamente em seu e-mail: