Sobe para 17 o número de desaparecidos em desabamento

0
54
Tânia Rêgo/Agência Brasil
O Corpo de Bombeiros elevou no fim da manhã deste sábado, (13) para 17 o número de possíveis desaparecidos nos desabamentos de ontem na Muzema, na zona oeste do Rio de Janeiro. Segundo o coordenador de operações Luciano Sarmento, que é coronel bombeiro, explicou que o número de desaparecidos varia porque depende de uma investigação junto a familiares e vizinhos:
“Esse número é dinâmico e varia de acordo com as informações. Paralelo ao trabalho de resgate, temos uma equipe de investigação junto as famílias e vizinhos”, disse o coronel, que afirma que as buscas se darão de forma ininterrupta até que sejam esgotadas.
Mais de 100 bombeiros e agentes da defesa civil trabalham no resgate, que conta com a ajuda de cães farejadores e equipamentos específicos para o salvamento em estruturas colapsadas.
O resgate em desabamento de prédios deixa mais esperanças de encontrar sobreviventes que no caso dos deslizamentos de terra, comparou o bombeiro.
“Podemos encontrar células [locais sob os escombros] que têm um pequeno habitat em que a pessoa pode se manter respirando. Realmente o tempo é nosso inimigo, mas já temos relatos de pessoas que sobreviveram em desastres de até sete dias”.
Ao todo, cinco corpos foram retirados dos escombros e dois dos dez resgatados com vida morreram em unidades de saúde. Entre os 17 desaparecidos, é provável que haja crianças, segundo o coronel, que não especificou o número.
Agência Brasil

Mais Notícias

Colheitadeira pega fogo em lavoura no interior de ... Ontem à tarde (12) uma colheitadeira pegou fogo enquanto operava em lavoura de soja no Rincão Santa Maria, interior de Bossoroca. O trecho onde ela es...
MPF recorre de decisão judicial que isentou Malha ... Ponte de Ferro em Marcelino Ramos Na mesma Ação Civil Pública o MPF também requereu que a concessionária seja declarada responsável pela manutenção e ...
Arábia Saudita expulsa embaixador do Canadá A Arábia Saudita expulsou o embaixador canadense nesta segunda-feira (6) e congelou "todos os novos negócios" com Ottawa por suas críticas à polític...
Brasileiro morre ao ser atacado por tubarão nos Es... O brasileiro Arthur Medici, de 26 anos, morreu depois de ser atacado por um tubarão na baía de Cape Cod, no parque nacional Newcomb Hollow Beaching, e...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui