Sites oficiais do Governo Federal passarão para portal único

0
67
Portal único será criado para acesso pelo governo. (Foto: Reprodução)

O governo federal unificará os sites públicos do Brasil. A estimativa é que, em menos de dois anos, migre-se todos os sites para o portal único GOV.BR. A informação foi publicada nessa quinta-feira (11), pelo Diário Oficial da União. A decisão foi assinada pelo Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante a cerimônia que marcou os primeiros 100 dias do governo. O projeto define que todos os sites se unifiquem e se englobem tanto os portais federais, quanto os aplicativos para celular.

“Nós temos também nos ministérios, cada um tem lá um portal, um site. Nós queremos que exista apenas um, que o cidadão em qualquer cantinho do Brasil acesse e resolva todo e qualquer problema. É assim que as Nações mais modernas funcionam. A gente vem com esse espírito de renovar confiança e principalmente fazer a vida das famílias brasileiras mais simples” afirmou o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorezoni.

O portal único do governo é uma medida já adotada em outros países, como no caso do Reino Unido e México. A ideia é centralizar as notícias para o cidadão. “A dispersão dos canais dificulta e encarece a busca por serviços públicos” diz o secretário de Governo Digital, do Ministério da Economia, Luis Felipe Salin Monteiro. A estimativa é de economizar por volta de R$ 100 milhões com as manutenções que são mantidas atualmente.

A primeira fase deve ser concluída pelo dia 31 de julho deste ano, quando a plataforma GOV.BR provavelmente já estará disponível para agregação dos sites institucionais. O portal brasil.gov.br e o site do Palácio do Planalto deverão ser os primeiros na migração, segundo a Agência Brasil.

O prazo final ficou para o dia 31 dezembro de 2020. Depois da data, os sites antigos serão todos desativados. As articulações ficarão na responsabilidade da Secretaria Especial de Modernização do Estado (Seme), vinculada à Secretaria-Geral da Presidência da República.

Leia também:  Salário mínimo de R$ 998 para 2019 é aprovado pelo Congresso

O Sul

Mais Notícias

Bolsonaro não vê motivos para greve dos caminhonei... O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, afirmou hoje (22) que o governo tem atuado de forma "proativa" no gerenciamento das deman...
Destaques do vôlei participam da final do Campeona... Neste domingo (23), a partir das 9h, no Ginásio Tesourinha, serão disputadas as partidas finais da Série A, masculina, da 14º edição do Campeonato Por...
Receita libera hoje consulta ao segundo lote de re... A consulta ao segundo lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2018 será liberada a partir das 9h de hoje (9). Esse lote também co...
A França venceu a Croácia por 4 a 2 e conquistou o... A França confirmou o favoritismo e venceu a Croácia por 4 a 2 no Estádio Luzhniki, em Moscou, tornando-se bicampeã do Campeonato Mundial. O primeiro t...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui